Sexta-feira, 30 de Novembro de 2007

Totolotarias ...

Significará ... Lotarias para Totós? ...
 
Numa Sexta-feira ao fim da tarde João Trovão preenche apressadamente o boletim do Euro Milhões afim de ainda conseguir participar num Concurso em que é sorteado um jackpot verdadeiramente milionário.
Está João altamente empenhado numa escolha cientifica dos números ... quando Maria Relâmpago o surpreende:
- Não entendo nada ... mas mesmo nada, dessas coisas dos Jogos SantaCasa ...
- Oh! ... Isto não tem dificuldade nenhuma! ... Neste jogo, à semelhança do Totoloto e do Totobola é só colocar umas cruzes e entregar nas agências ... nas Lotarias Popular e Clássica é só comprar uma cautela ou parte dela ... e nas Raspadinhas é só comprar o cartão e raspar ... que dificuldade tem isso? ...
- O que eu não compreendo, não é a forma de participar nesse jogos de azar ... o que eu não percebo é a sua orgânica!...
- Explica lá isso por miúdos!...
- Então ... Não dizem que esses jogos, são jogos sociais? ... Dado que uma parte da sua receita reverte para a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e que, segundo dizem, esta a canaliza para acções de ajuda aos mais desfavorecidos?
- Sim! E ...?
- E ... E, nestas circunstâncias, deveria estar abrangido numa qualquer lei do Mecenato ou semelhante ... e quem participasse nesses jogos deveria poder apresentar o recibo em sede de IRS ... para efeitos de deduções fiscais!!...
João sorri, termina o preenchimento do seu boletim e conclui:
- Estou mesmo a ver o Estado a devolver um cêntimo que seja nesse âmbito! ... Estou! ... Estou! ... Nós portugueses é que somos tolos ... e se analisássemos o dinheiro que gastamos nestas porcarias, sem nada ganhar ... bem que deixávamos de ser dos povos que mais apostamos neste tipo de jogos!...
- Aí é que está! ... Se o Estado não devolve, também não deveria poder cobrar impostos a quem, depois de despender verdadeiras fortunas, tem a sorte ganhar um prémio maior!!! ...
 
publicado por raio às 08:34

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 29 de Novembro de 2007

Uns Armam a Tenda

... Outros ... Barraca ...
 
- Então de 6 a 9 de Dezembro, Lisboa vai ter um campista mediático?! - Refere Maria Relâmpago.
João Trovão, apanhado de surpresa, lá pergunta:
- Quê? ... Quem é que vai fazer campismo em Lisboa?
- Kadhafi! ... O presidente da Líbia, o Coronel Muamar al-Kadhafi ... Vem participar na II Cimeira UE/África que decorrerá nos dias 8 e 9 de Dezembro, em Lisboa ... e recusa-se a ficar alojado num dos 11 Hotéis disponibilizados para as 127 delegações participantes, assim à semelhança do que sempre tem feito em viagens de semelhante teor, Kadhafi trará uma tenda onde ficará alojado com a sua comitiva ... incluindo cozinheiros e todo o pessoal necessário para o indispensável apoio logístico ...
- E onde é que ele vai montar a tenda ... gigante?
- Sei lá! ... Mas parece que as autoridades portuguesas estão a equacionar várias soluções com espaços amplos  ... jardins, palácios, monumentos nacionais ... até porque o dirigente líbio exige que a comitiva se mantenha reunida.
- Olha! ... Uma boa solução ... são os estádios!...
- Parece que quem vai decidir a localização ... é a PSP ...
ASAE.jpg- Mas ele já fez isso noutros sítios, noutros países?
- Já! .. Esta atitude não trás qualquer novidade, pelo que já disse e porque é numa tenda que habitualmente exerce a presidência da Líbia e é inclusivamente nessas instalações que recebe as visitas oficiais estrangeiras.
As explicações de Maria, levam a que João conclua:
- Engraçado! Mas sabes o que te digo?! Essa postura só tem comparação com aqueles políticos nacionais e estrangeiros que teimam em armar barraca onde quer que ponham os pés ... Mas ... giro! Giro! Era se a ASAE se lembrasse de fiscalizar a tenda ... e a mandasse encerrar por esta não cumprir a legislação nacional ...
 
publicado por raio às 08:19

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007

Afirmações Surreais

... Mais uma corrente Bloguistica
 
No artigo http://rabujicesdamiuda.blogs.sapo.pt/28703.html do Blogue “Rabujices da Miúda” foi-me lançado o desafio de dar continuidade a uma corrente Bloguística que consiste em escrever 5 afirmações gritantemente surreais e simultaneamente passar o repto a outros 5 bloggers.
 
Não sendo eu, dirigente de uma SAD - Sociedade Anónima Desportiva, membro da Igreja Católica, personalidade VIP, profissional da Política ... confesso que sinto enormes dificuldades para inventar uma expressão surreal que seja, quanto mais cinco.
 
Inicialmente pensei responder a este jogo citando personalidades como Alberto João Jardim, George Bush, Aníbal Cavaco Silva, Mário Soares, Marcelo Rebelo de Sousa, José Sócrates, Luís Filipe Vieira, Valentim Loureiro ... Mas como cada uma destas entidades sempre que abre a boca ... deita cá para fora uma expressão surrealista, fazer uma escolha tornar-se-ia uma tarefa tremendamente ingrata.
 
Depois, pensei em frases do tipo da que todos os políticos são obrigados a ler quando tomam posse como figuras de Estado ... dizendo que juram que cumprirão com lealdade as funções de que venham a ser incumbidos.
 
Certamente que se fosse por aí ... iria repetir frases que são sobejamente conhecidas e desse modo não traria qualquer novidade ... por breves instantes pensei ainda em transcrever a letra da canção interpretada, a seu tempo, por João Loureiro enquanto vocalista do grupo musical “Bananas” celebrizado com o nome “BAN” ... « ... Surrealizar por aí ...» ... mas desisti.
 
Mais uns momentos, mais umas cabeçadas na parede ... e ... fez-se luz, que tal uma pesquisa na internet para ganhar inspiração? ...
 
Bem! Enquanto pesquiso ... lanço este desafio para os autores ou participantes nos seguintes blogues:
 
- Blasfémias
- www.ablasfemia.blogspot.com 
 
- Bússola
- www.bussola.blogs.sapo.pt
 
- Causa Nossa
- www.causa-nossa.blogspot.com 
 
- Grande Loja do Queijo Limiano
- www.grandelojadoqueijolimiano.blogspot.com 
 
- O Insurgente
- www.oinsurgente.org
 
 
... Fixe! Eureca!! ... Entrei no site do Município de de Belmonte em www.cm-belmonte.pt e cheguei a um documento maravilhoso cheio de expressões e ideias surreais, em http://www.cm-belmonte.pt/guia/regulamentos/rlimpeza.pdf, vou transcreve-lo na integra deixando a escolha das “cinco mais” para quem venha a ler este artigo.
 
REGULAMENTO SOBRE HIGIENE E LIMPEZA DA VIA PÚBLICA E ESPAÇOS URBANIZADOS
 
PREÂMBULO
 
A Regulamentação Municipal sobre higiene e limpeza dos locais públicos limita-se ao estatuído pelo Código de Posturas Municipais, que data dos anos 80, não estando por esse motivo de acordo com a realidade actual.
 
Interessa harmonizar tais disposições legais com a nova legislação entretanto publicada, designadamente com os novos preceitos resultantes do disposto no artº 118 do C.P.A.
 
Assim,
 
Para os efeitos do disposto no n.º 7 do Art.º 115 da Constituição da Republica Portuguesa, e com fundamento no disposto no Art.º 242 do mesmo diploma e ainda para efeitos de aprovação pela Assembleia Municipal de Belmonte nos termos do disposto na alínea a) do n.º2 do Art.º 39 do Dec. Lei 100/84 de 29 de Março, redacção da Lei 18/91 de 12 de Junho, Lei 35/91 de 27 de Julho, Lei 25/85 de 12 de Agosto e alíneas a) e b) do Art.º 11 e n.ºs 1, 2 e 3 do Art.º 21 da Lei 1/87 de 6 de Janeiro.
 
O presente Regulamento foi objecto de apreciação pública, nos termos do artigo 118º do Código do Procedimento Administrativo.
 
 
Artigo 1º
 
Aprovação
 
Para os efeitos do disposto no nº 7 do artº 115º e com fundamento no disposto no artº 242º, ambos da Constituição da República Portuguesa e com fundamento no disposto nas alíneas a) e l) do nº2 do artº 39º do Dec. lei 100/84, com a redacção dada pela Lei 18/91 de 12 de Junho, e alínea a) do artº 11º da Lei 1/87 de 6 de Janeiro é aprovado o regulamento sobre Higiene e Limpeza da Via Pública e Espaços Urbanizados.
 
 
Artigo 2.º
 
Em toda a área do Município de Belmonte é proibido, nas ruas, passeios e espaços urbanizados, incluindo lotes de construção ainda não ocupados, logradouros e lugares públicos em geral:
 
a) Lançar águas sujas, urinas, matérias fecais, lixos, cinzas, aparas, frutas podres cascas de frutas e de ovos, talos, folhas de couve, resíduos, cinzas, vegetais e quaisquer outros detritos.
 
b) Lançar imundícies ou detritos nas sarjetas.
 
c) Urinar ou defecar.
 
d) Estender roupa ou outros objectos a enxugar ou arejar, a não ser nos lugares a isso destinados.
 
e) Regar flores em janelas, varandas ou sacadas, de modo a que a água possa cair na rua, depois do nascimento do Sol até à meia noite.
 
f) Lavar veículos ou qualquer objecto, a não ser nos lugares para isso destinados.
 
g) Joeirar, limpar, ou crivar quaisquer cereais, géneros ou mercadorias.
 
h) Matar, pelar ou chamuscar animais.
 
i) Sangrar ou fazer quaisquer curativos a animais, excepto em caso de urgência devidamente justificado.
 
j) Depositar, lenha, alfaias agrícolas ou outros materiais, com carácter de permanência.
 
l) Lançar ou abandonar qualquer animal, morto ou vivo.
 
m) Lançar das janelas, sacadas ou varandas, sacos de lixo e outros objectos, ainda que com a intenção de recolha pelos serviços de higiene e limpeza municipal.
 
n) Lançar águas provenientes de aparelhos de ar condicionado, vapores e fumos de exaustores.
 
o) Deixar que nos lotes ainda não utilizados cresçam arbustos, silvas e outras plantas desde que se situem dentro da área urbanizada.
 
p) Instalar canis, galinheiros ou pocilgas.
 
 
Artigo 3.º
 
A proibição constante das alíneas a), b), c), i), l), m), n) e p) do artigo anterior é extensiva a quaisquer locais que não se encontrem devidamente resguardados, sempre que os actos nele referidos se divisem da via pública ou constituam incómodo para a vizinhança.
 
 
Artigo 4.º
 
É proibido nas mesmas ruas, largos e demais lugares públicos, lançar entulhos, deitar ou amontoar mato, palha ervas ou semelhantes.
 
 
Artigo 5.º
 
Quando apareça em via ou lugar público qualquer animal morto sem que se saiba quem seja o dono, será o mesmo enterrado por conta da Câmara Municipal ou Junta de Freguesia ,que ficarão com o direito de haver a respectiva despesa logo que o respectivo dono seja conhecido, pagando este também a coima estabelecida nesta postura.
 
 
Artigo 6.º
 
Quem deixar de varrer ou limpar imediatamente resíduos de palha, lenha estrumes ou outros, proveniente de cargas e descargas, será punido nos termos desta postura.
 
 
Artigo 7.º
A condução de animais e transporte de palhas, terras, cal, areias, saibros, entulhos, matos, estrumes e quaisquer resíduos deve ser feita de modo a que não suje a via pública, devendo designadamente:
 
1 - A Carga e condução de estrumes verdes e imundícies das fossas só pode ser feita nas Vilas do concelho entre as 19.00 horas e 8.30 horas da manhã, excepto quando feita em carros ou contentores especiais, fechadas e bem vedadas de modo a impedir a queda na via pública dos materiais transportados e exalação de odores.
 
2 - Nas aldeias, o transporte de palhas, fenos, estrumes e outros produtos, desde que se destinem à adubação e tratamento das propriedades para aproveitamento agrícola, nos períodos sazonais, poderá ser feita a qualquer hora do dia.
 
3 - A condução de animais, nomeadamente de rebanhos ou manadas nas Vilas do concelho deverá ser feita entre as 19.00 horas e 8.30 da manhã, pelo percurso mais curto situado entre os estábulos e o limite da zona urbana.
 
4 - A todos os animais, cujos proprietários não detenham estábulos próprios devidamente autorizados, fica proibida a sua condução através da zona urbana.
 
 
Artigo 8.º
É proibido dentro das localidades em todo o Município a existência de ovis que não estejam devidamente autorizados.
 
 
Artigo 9.º
Nas localidades onde haja recolha de lixos, os mesmos só poderão ser depositados nos contentores colocados pela Câmara Municipal, devendo observar-se o disposto no artigo seguinte.
 
 
Artigo 10.º
É proibido verter lixo, ainda que nos contentores municipais, em dias que por aviso prévio se declare que não haja recolha pelos serviços de higiene e limpeza.
 
 
Artigo 11.º
 
1 - Em toda a área do município o depósito do lixo só pode ser feito nos contentores colocados para o efeito.
 
2 - Não é permitido vazar ou amontoar lixo ainda que em recipientes fora dos contentores distribuídos pelo município.
 
3 - O horário de recolha será publicado e afixado em edital nos lugares públicos do costume, quando vier a ser estabelecido.
 
 
Artigo 12.º
 
1 - Junto às oficinas e às estações de serviço não podem ser reparados veículos, ou mesmo estacionar prolongadamente, nem manchar o pavimento com óleos e outros materiais similares.
 
2 - Não é permitido amontoar lixo, mesmo em recipiente, em lugares que não estejam devidamente identificados e autorizados pela Câmara Municipal.
 
 
Artigo 13.º
Nas ruas, largos, passeios, caminhos vicinais, caminhos municipais, estradas municipais, incluindo as bermas e demais lugares públicos, é proibido lançar ou depositar entulhos de obras, velharias e outros lixos diversos.
 
 
Artigo 14.º
Abandono de Viaturas
 
1 - Nas ruas, praças, estradas municipais e demais lugares públicos é proibido abandonar viaturas automóveis, em estado de degradação, impossibilitados de circular com segurança pelos próprios meios e que de algum modo prejudiquem a higiene e a limpeza dos locais públicos em que foram abandonados.
 
2 - As viaturas consideradas abandonadas serão retiradas pelos serviços municipais, para locais apropriados, nos termos do Dec. Lei 117/94, de 3 de Maio, sem prejuízo de aplicação da coima respectiva ao proprietário e responsabilização pelas taxas de reboque e recolha previstas na tabela das taxas.
 
 
Artigo 15.º
Transgressões
 
1 - As transgressões a esta postura serão punidas com as seguintes coimas:
 
a) De 24,94 € a 149,64 €, por transgressão ao disposto nos art.ºs 6º, 10.º e 12º;
 
b) De 149,64 € a 498,80 €, por transgressão ao disposto 14.º;
 
c) De 249,40 € a 498,80 € por transgressão das alíneas o) e p) do artº 2º
 
d) De 14,96 € a 74,82 €, em todos os demais casos.
 
 
2 - As reincidências serão agravadas em 50% do valor da primeira autuação.
 
 
Artigo 16.º
Revogação
 
Este regulamento revoga todos as anteriores sobre a mesma matéria.
 
 
Artigo 17.º
Fiscalização
 
A fiscalização do cumprimento das normas deste regulamento compete à GNR e aos funcionários e agentes da fiscalização da Câmara Municipal.
 
 
Artigo 18.º
Entrada em Vigor
 
O Regulamento agora aprovado entrará em vigor 20 dias após a sua afixação nos lugares de estilo, posteriormente à sua aprovação pela Assembleia
Municipal.
 
Municipio_de_Belmonte.jpg 
Câmara Municipal de Belmonte
 
 
publicado por raio às 08:34

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 27 de Novembro de 2007

Imagem Abusiva?... Ou ...

 (Sem Comentários)
 
Para me resguardar do “modus operandi” e da postura pouco amistosa de muitos dos juristas nacionais, optei, desde o início, por manter bem visível um endereço de contacto e por não colocar qualquer obstáculo na área de comentários para que as entidades visadas ou citadas possam usufruir do direito de resposta. Com o mesmo objectivo enunciado, sempre que cito uma fonte, seja ela qual for, coloco a sua identificação acompanhada do link da sua página na Internet e muitas vezes, a estes dois elementos junto de um terceiro - o logotipo, para que melhor se possa identificar a entidade de onde é originário o texto citado.
 
Assim, foi com enorme estranheza que li o e-mail que recebi e que passo a transcrever:
 
Data: Mon, 19 Nov 2007 14:53:34 -0000 [19-11-2007 14:53:34 WET]
De: SAPO Anti-Abuse <info.abuse@mail.sapo.pt>
Para: drbts@sapo.pt
CC: trovoada.seca@gmail.com
 
 
Exmo(a). Senhor(a),
 
 
Recebemos nos nossos serviços reclamações em relação aos conteúdos publicados no seu blog http://trovoadaseca.blogs.sapo.pt/ mais concretamente da imagem colocada no post http://trovoadaseca.blogs.sapo.pt/36180.html .Apesar de o SAPO ter optado por não remover o seu blog deve estar consciente que poderá ser responsabilizado civil e criminalmente por qualquer ilegalidade que os conteúdos publicados por si possam conter ou provocar. Deve ainda garantir o cumprimento dos termos de utilização dos blogs do SAPO, termos esses que aceitou cumprir quando criou o seu blog, nomeadamente...
 
(...) O Utilizador identificado como o autor do registo de um espaço é o único responsável pelos conteúdos disponibilizados nesse espaço. 
 
Assim, qualquer informação, dados, textos, software, música, sons, fotografia, gráficos, vídeos, imagens ou outros materiais quer expostos publicamente ou privadamente transmitidos são da única responsabilidade do Utilizador que registou o espaço. (...) O Utilizador concorda em não utilizar o Serviço disponibilizado para os seguintes fins:
 
f) disponibilizar, transmitir, enviar qualquer conteúdo que infrinja qualquer registo de patente, marca, segredo industrial, ou qualquer tipo de registo autoral de qualquer pessoa, entidade ou instituição.
 
(...)
 
O Utilizador concorda em fazer uma utilização responsável e cuidadosa do Serviço disponibilizado pelo SAPO. (...) O incumprimento de qualquer das presentes regras confere ao SAPO o direito de suspender ou cancelar e/ou remover o blog do utilizador, com ou sem prévio aviso. (...)
 
Estamos ao seu dispor para qualquer esclarecimento adicional, agradecemos contacto através deste email (info.abuse@mail.sapo.pt).
 
De futuro pode reportar directamente estas situações através do formulário online no endereço http://formtomail.sapo.pt, seleccionando:
 
- SAPO ADSL > Serviços SAPO > Abuse
 
- Seleccionar assunto pretendido e “Prosseguir”.
 
Rita Pedras
 
Serviço Anti-Abuse
 
 
Intriga-me, o facto de por ter divulgado num artigo, informação que foi amplamente repetida na comunicação social e por ter realçado nesse artigo a imagem (logotipo sem qualquer modificação) e o link da entidade autora dessa notícia, seja motivo para que esse artigo seja alvo de qualquer tipo de reclamação.
 
Fiz chegar ao “Serviço Anti-Abuse” do Sapo esta mesma visão, acompanhada do pedido de que me fosse fornecida a identificação do queixoso.
Obtive os seguintes esclarecimentos:
 
22 de novembro de 2007 17:22
SAPO Anti-Abuse <info.abuse@mail.sapo.pt>
Para: "Direcção de Redacção do Blogue \"Trovoada Seca\"" <trovoada.seca@gmail.com>
 
Assunto: http://trovoadaseca.blogs.sapo.pt
 
 
Exmos.Srs.
 
De facto as explicações que apresenta o SAPO também as apresentou a quem efectuou a referida queixa. No entanto, cabe-nos informá-lo/a que chegou aos nossos serviços uma queixa nesse sentido.
 
Enviamos o email como informação e alerta geral para cumprimento das regras do serviço bem como da lei portuguesa pelo que caso tal seja cumprido não existirá qualquer anomalia.
 
Quanto a informar quem efectuou queixa, tal como não informamos os dados dos clientes (opcionalmente poderão estar informamos no referido blog) também não poderemos informar a origem da mesma.
 
O argumento utilizado foi exactamente a não autorização para utilizar a imagem no referido post.
 
Ao dispôr,
 
Rita Pedras
 
Serviço Anti-Abuse
 
SAPO-PT.Com
 
 
Entretanto, já solicitei esclarecimentos sobre esta matéria, à entidade visada e citada, os quais aguardo esperando que tudo não tenha passado de um mal-entendido ou de uma brincadeira de “mau gosto”.
 
 
 
publicado por raio às 08:29

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Novembro de 2007

Ajuda!...

 
... Preciso de Doutor ...
 
Maria Relâmpago e João Trovão conversam sobre os atendimentos nos hospitais, comentam a questão de, em determinados casos, ser necessário conhecer alguém do hospital para que um utente tenha o desejável acompanhamento clínico ... até que Maria refere o que está a acontecer no seu escritório:
- Bem! Tu não imaginas a quantidade de gente lá do escritório que confessa ver, nas noites de Sexta-feira, o programa da TVI ... o “Doutor - Preciso de Ajuda!”.
- Olha! Eu só consegui ver um bocadinho de um desses programas e pelo aquilo que vi ... achei aquilo uma autêntica nojice! ... E mais! Pelo que percebi ... quem lá vai ... não vai por problemas de saúde ... mas sim por questões estéticas ... ou seja num país como o nosso ... em que muitos dos que têm graves problemas de saúde ... não conseguem ter um médico a quem se dirigir ... e bem que podem gritar «Ajuda! ... Preciso de Doutor» que ninguém lhes passa cavaco ... há programas televisivos ... onde se faz um elogio do “acessório”... e se esquece o “imprescindível” ...
 
publicado por raio às 08:24

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 24 de Novembro de 2007

Casas Brancas ... há muitas

... mas há uma que é alvo de um desejo especial ...
 
- Que me dizes ao facto de Hillary Rodham Clinton ... estar na corrida para a Casa Branca? - Pergunta João Trovão a Maria Relâmpago, depois de ler umas linhas sobre o assunto no seu jornal preferido.
Protificando-se para defender as mulheres, Maria responde:
- Acho bem! ... Afinal é uma forma das mulheres mostrarem a sua força! ... E de ... também elas, saborearem a sensação de se sentarem na cadeira da presidência norte-americana ...
- Hum! Hum! ... Não duvido! ... O que teremos que ver é se vai haver alguém interessado em desempenhar o papel que coube a Monica Samille Lewinsky quando o seu marido, Bill Clinton, foi presidente dos EUA - Estados Unidos da América ... para que essa "experiência" seja integral ...  
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Novembro de 2007

Pelas Estradas de Portugal - Capitulo VII

... Constatações e Conclusões que se tiram ao observar ...
o panorama Rodoviário Nacional
 
Eis mais um extracto dos diálogos de João Trovão e Maria Relâmpago ao viajarem de carro pelo nosso país, ora observando, ora tirando conclusões acerca do caos em que teima em permanecer o panorama rodoviário nacional.
 
De um momento para o outro o veiculo onde viajam João e Maria é ultrapassado por vários motociclistas.
- Eh! De onde veio esta gente toda? - Pergunta Maria. João que se viu obrigado a estar atento às manobras dos amantes das motas ... permaneceu em silêncio. Quando viu que já não havia ninguém para o ultrapassar, lá respondeu:
- Estes motoqueiros vêm de uma Concentração!
- De uma Concentração?
- Sim! Os Motard,s chamam Concentrações às suas festas ... ou seja ... Quando festejam estão concentrados ... mas quando conduzem ... nem por isso!
 
publicado por raio às 08:06

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007

A Grande Importância ...

do “G” ... ou como há "G's" importantes ... 
 
Quebrando o silêncio, João Trovão exclama:
- Como um “G” ... pode mudar tudo!
Desconfiada dos objectivos de João, Maria Relâmpago, avisa:
- Espero que não venha daí uma graçola de baixo nível sobre sexo ... onde seja mencionando o Ponto G!
- Não! Nada disso! E Não vou sequer fazer uma dissertação sobre estratégias políticas ou económicas das nações que compõem nos chamados G7, G7+1 ou G8, nem referir algo sobre a questão força da gravidade terrestre!
- Então que “G” é esse? ... Que é assim tão importante?
João que já tinha a resposta na ponta da língua, dispara:
- É o “G” que se coloca antes de PS ... pois se o PS tem feito tudo para que as pessoas andem desorientadas ... já o GPS é fundamental para que as pessoas se orientem! ...
 
tags: , , , ,
publicado por raio às 08:26

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 21 de Novembro de 2007

Hoje é o Dia da...

... TV


Maria Relâmpago e João Trovão tomam o pequeno almoço e João avança com a notícia:

- Sabes? ... Hoje, dia 21 de Novembro celebra-se o Dia Mundial da Televisão.

Na realidade, Maria sabe e complementa a informação.

- Sei! Segundo consta a “Data” foi criada em 1996 durante um fórum da ONU e na altura os Estados Membros acordaram que a data deveria ser um incentivo à criação de programas sobre questões de paz e de desenvolvimento social e económico!

- É mesmo isso! Só que se os estados nessa altura acordaram ... posteriormente, parece que adormeceram! E a programação televisiva passou a assentar em modelos que promovem a mentira, a violência e a ignorância.

Reparo de João, que mereceu o remate de Maria:

- Ou seja ... Melhor seria que se criasse ... o Dia Internacional Sem Televisão!...


publicado por raio às 08:54

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 20 de Novembro de 2007

Paredes de Vidro?

... Transparente ou Opaco?
 
- Que me dizes àquela ideia de Luís Filipe Menezes tencionar vender património do PSD - Partido Social Democrata , inclusivamente a sede nacional ... para construir sedes novas, modernas ... onde possam ser fornecidos serviços à população ... e com uma arquitectura moderna, com paredes de vidro? - Pergunta João Trovão a Maria Relâmpago.
Apanhada de surpresa, Maria reflecte na pergunta e conclui:
- Pelo que me foi dito, essa ideia de um partido transparente, com sedes com paredes de vidro ... não é assim tão nova ... mas o que te digo é que se tivesse sido Luís Marques Mendes a concretizá-la ... de certeza que L. Filipe Menezes, ao seu estilo, durante a campanha que fez sistematicamente, de combate ao então líder ... teria partido essas sedes à pedrada!...
 
publicado por raio às 08:21

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 19 de Novembro de 2007

Teremos Bispos ... mais Papistas ...

que o Papa?
 
- João!... Ouviste o “sermão” que o Sumo Pontífice deu aos Bispos Portugueses que foram a Roma, no início deste mês?- Pergunta Maria Relâmpago a João Trovão, o qual responde:
- Ouvi uns “zum-zuns” ... Parece que Bento XVI deu um “puxão de orelhas” ao bispado nacional.
- Pois, segundo o que foi referido pela comunicação social o líder da Igreja Católica salientou que a Igreja portuguesa não está a cumprir os objectivos determinados pelo Concílio Vaticano II ... está demasiado eclesial ... encerrada em si mesma ...
As palavras de Maria, confundem João, que equaciona:
- Mas ... escuta! ... Não foi este Papa que, enquanto Cardeal Joseph Ratzinger, colaborou na redacção desse documento ... e impedindo mesmo que ele trouxesse uma verdadeira reforma ao catolicismo ... e largasse toda a sua carga conservadora e o seu imobilismo?
- Não! O Concilio Vaticano II data de 1966 ... do tempo do Papa Paulo VI ... Ele colaborou isso sim na redação de alguns documentos de João Paulo II ... tendo em vista algumas reformas da Igreja e aí sim ... impediu algumas alterações que levassem a uma maior modernidade da Igreja ... Mas pelos vistos, em Portugal ... os membros do Clero ainda são mais papistas que o Papa!...
 
***
 
Sobre este assunto, no site da Agência Ecclesia, em http://www.agencia.ecclesia.pt/noticia_all.asp?noticiaid=52877&seccaoid=9&tipoid=228 podemos ler uma tradução do discurso do Papa Bento VI à comitiva de Bispos Portugueses que se deslocou a Roma.
 
Discurso de Bento XVI aos bispos portugueses
 
Senhor Cardeal Patriarca,
 
Amados Bispos portugueses!
 
Sinto grande alegria em receber-vos hoje na Casa de Pedro, pela força de Deus sólido pilar daquela ponte que sois chamados a ser e a estabelecer entre a humanidade e o seu destino supremo, a Santíssima Trindade. Oito anos depois da vossa última Visita ad Limina, encontrais modificado o rosto de Pedro mas não o coração nem os braços que vos acolhem e confirmam na força de Deus que nos sustenta e irmana em Cristo Senhor: «Graça e paz vos sejam dadas em abundância» (1 Ped 1, 2). Com estas palavras de boas-vindas, a todos saúdo, agradecendo ao presidente da Conferência Episcopal, Dom Jorge Ortiga, o esboço feito da vida e situação das vossas dioceses e os devotados sentimentos que me exprimiu em nome de todos e que retribuo com vivo afecto e a certeza das minhas orações por vós e quantos estão confiados à vossa solicitude pastoral.
 
Amados Bispos de Portugal, cruzastes a Porta Santa do Jubileu do ano 2000 à cabeça da peregrinação dos vossos diocesanos, convidando-os a entrar e permanecer em Cristo como a Casa dos seus desejos mais profundos e verdadeiros, ou seja, a Casa de Deus, e a medir até onde já se fizeram realidade tais desejos, isto é, até onde a vida e o ser de cada um encarna o Verbo de Deus, à semelhança de São Paulo que dizia: «Já não sou eu que vivo, é Cristo que vive em mim» (Gal 2, 20). Indicador concreto dessa encarnação: o transbordar para os outros da vida de Cristo que irrompe em mim. É que «eu não posso ter Cristo só para mim; posso pertencer-Lhe apenas unido a todos aqueles que se tornaram ou hão-de tornar Seus. (…) Tornamo-nos "um só corpo", fundidos todos numa única existência» (Carta enc. Deus caritas est, 14). Este «corpo» de Cristo que abraça a humanidade de todos os tempos e lugares é a Igreja. Prefiguração desta viu-a Santo Ambrósio naquela «terra santa» indicada por Deus a Moisés: «Tira as tuas sandálias dos pés, porque o lugar em que estás é uma terra santa» (Ex 3, 5); e lá, mais tarde, foi-lhe ordenado: «Tu, porém, permanece aqui comigo» (Dt 6, 31) – ordem esta, que o Santo Bispo de Milão actualiza para os fiéis nestes termos: «Tu permaneces comigo [com Deus], se permaneces na Igreja. (…) Permanece, pois, na Igreja; permanece onde te apareci; aí Eu estou contigo. Onde está a Igreja, aí encontras o ponto de apoio mais firme para a tua mente; onde te apareci na sarça ardente, aí está o alicerce da tua alma. De facto, Eu te apareci na Igreja, como outrora na sarça ardente. Tu és a sarça, Eu o fogo; fogo na sarça, sou Eu na tua carne. Por isso, Eu sou fogo: para te iluminar, para destruir os teus espinhos, os teus pecados, e te manifestar a minha benevolência» (Epistulæ extra collectionem: Ep. 14, 41-42). Estas palavras bem traduzem a vivência e o apelo deixado por Deus aos peregrinos do Grande Jubileu.
 
Neste momento, quero convosco dar graças a Cristo Senhor pela grande misericórdia que usou para com a sua Igreja peregrina em Portugal nos dias do Ano Santo e nos anos sucessivos permeados do mesmo espírito jubilar, que vos fez olhar, sem medo, limitações e falhas que vos deixaram à míngua de pão e tomar o caminho de regresso à Casa do Pai, onde há pão em abundância. De facto, sente-se perdurar o mesmo clima do Jubileu em numerosas iniciativas por vós tomadas nos anos imediatos: o recenseamento geral da prática dominical, o retomar a caminhada sinodal feita ou a fazer, a convocação em mais do que uma diocese da statio eucarística ou da missão geral segundo modalidades novas e antigas, a realização nacional do encontro de movimentos e novas comunidades eclesiais e do congresso da família, a vontade de servir o homem consignada pela Igreja e o Estado numa nova Concordata, a aclamação da santidade exemplar na pessoa de novos Beatos… Neste longo peregrinar, a confissão mais frequente nos lábios dos cristãos foi falta de participação na vida comunitária, propondo-se encontrar novas formas de integração na comunidade. A palavra de ordem era, e é, construir caminhos de comunhão. É preciso mudar o estilo de organização da comunidade eclesial portuguesa e a mentalidade dos seus membros para se ter uma Igreja ao ritmo do Concílio Vaticano II, na qual esteja bem estabelecida a função do clero e do laicado, tendo em conta que todos somos um, desde quando fomos baptizados e integrados na família dos filhos de Deus, e todos somos corresponsáveis pelo crescimento da Igreja.
 
Esta eclesiologia da comunhão na senda do Concílio, à qual a Igreja portuguesa se sente particularmente interpelada na sequência do Grande Jubileu, é, meus amados Irmãos, a rota certa a seguir, sem perder de vista eventuais escolhos tais como o horizontalismo na sua fonte, a democratização na atribuição dos ministérios sacramentais, a equiparação entre a Ordem conferida e serviços emergentes, a discussão sobre qual dos membros da comunidade seja o primeiro (inútil discutir, pois o Senhor Jesus já decidiu que é o último). Com isto não quero dizer que não se deva discutir acerca do recto ordenamento na Igreja e sobre a atribuição das responsabilidades; sempre haverá desequilíbrios, que exigem correcção. Mas tais questões não nos podem distrair da verdadeira missão da Igreja: esta não deve falar primariamente de si mesma, mas de Deus.
 
Os elementos essenciais do conceito cristão de «comunhão» encontram-se neste texto da primeira Carta de São João: «O que vimos e ouvimos, isso vos anunciamos, para que também vós tenhais comunhão connosco. Quanto à nossa comunhão, ela é com o Pai e com seu Filho Jesus Cristo» (1, 3). Sobressai aqui o ponto de partida da comunhão: está na união de Deus com o homem, que é Cristo em pessoa; o encontro com Cristo cria a comunhão com Ele mesmo e, n’Ele, com o Pai no Espírito Santo. Vemos assim – como escrevi na primeira Encíclica – que, «ao início do ser cristão, não há uma decisão ética ou uma grande ideia, mas o encontro com um acontecimento, com uma Pessoa [Jesus Cristo] que dá à vida um novo horizonte e, desta forma, o rumo decisivo» (Deus caritas est, 1); a evangelização da pessoa e das comunidades humanas depende, absolutamente, da existência ou não deste encontro com Jesus Cristo.
 
Sabemos que o primeiro encontro pode revestir-se duma pluralidade de formas, como o demonstram inúmeras vidas de Santos (a apresentação destas faz parte da evangelização, que deve ser acompanhada por modelos de pensamento e de conduta), mas a iniciação cristã da pessoa passa, normalmente, pela Igreja: a presente economia divina da salvação requer a Igreja. À vista da maré crescente de cristãos não praticantes nas vossas dioceses, talvez valha a pena verificardes «a eficácia dos percursos de iniciação actuais, para que o cristão seja ajudado, pela acção educativa das nossas comunidades, a maturar cada vez mais até chegar a assumir na sua vida uma orientação autenticamente eucarística, de tal modo que seja capaz de dar razão da própria esperança de maneira adequada ao nosso tempo» (Exort. ap. pós-sinodal Sacramentum caritatis, 18).
 
Amados Bispos de Portugal, há quatro semanas encontrastes-vos no Santuário de Fátima com o Cardeal Secretário de Estado que lá enviei como meu Legado Especial no encerramento das celebrações pelos 90 anos das Aparições de Nossa Senhora. Apraz-me pensar em Fátima como escola de fé com a Virgem Maria por Mestra; lá ergueu Ela a sua cátedra para ensinar aos pequenos Videntes e depois às multidões as verdades eternas e a arte de orar, crer e amar. Na atitude humilde de alunos que necessitam de aprender a lição, confiem-se diariamente, a Mestra tão insigne e Mãe do Cristo total, todos e cada um de vós e os sacerdotes vossos directos colaboradores na condução do rebanho, os consagrados e consagradas que antecipam o Céu na terra e os fiéis leigos que moldam a terra à imagem do Céu. Sobre todos implorando, pelo valimento de Nossa Senhora de Fátima, a luz e a força do Espírito, concedo-lhes a minha Bênção Apostólica.
 
Bento XVI, 10 de Novembro de 2007
 
Documentos | Bento XVI | 10/11/2007 | 11:39 | 7967 Caracteres | 1559 | Visita Ad Limina
 
 
publicado por raio às 09:01

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 17 de Novembro de 2007

Ainda ... Sobre o Apagão do “Luz ...

do Sameiro”


Fim do dia, entre uma vista de olhos pelo televisor, uma breve leitura do jornal e comentários breves sobre os acontecimentos do dia, Maria Relâmpago vira-se para João Trovão e conta-lhe:

- Imagina tu, que a mãe de uma colega minha, foi para o hospital para fazer uma operação à tiróide ... e veio para casa sem voz!

A notícia espantou João.

- Quê? Explica lá como é que isso aconteceu? ...

- Pois! Os médicos ao operarem a tiróide atingiram o nervo da voz e a mulher agora mal consegue falar ...

- Hum! ... É por essas e por outras que eu percebo porque é que o Ministério Público mandou arquivar o processo “Luz do Sameiro” ... alegando que não é possível provar que uma maior rapidez no resgate dos pescadores ... seria fundamental para a sua sobrevivência ...

- Oh! O que é que uma coisa tem a ver com a outra? ... Como é que chegas a essa conclusão?

- Então ... He! He! ... Com a má qualidade de muitos profissionais que povoam os nossos hospitais como é que se pode garantir que uma maior rapidez no socorro pode ser a garantia do salvamento? ...


***


Sobre o tema "Luz do Sameiro" podemos encontrar no site do “Publico” em www.publico.pt o artigo com o link http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1309090

 


Ministério Público alegou falta de provas na decisão

Famílias dos pescadores da "Luz do Sameiro" vão recorrer do arquivamento do processo

29.10.2007 - 14h59 Lusa, PUBLICO.PT


Luz_do_Sameiro-jornal-Público.jpg

Os familiares dos seis pescadores que morreram no naufrágio da embarcação “Luz do Sameiro”, há dez meses, na Praia da Légua, concelho de Alcobaça, vão recorrer da decisão do Ministério Público, que arquivou o inquérito ao acidente.


O Ministério Público de Alcobaça arquivou o processo por falta de provas, não tendo demonstrado responsabilidades criminais das autoridades ou dos próprios tripulantes no acidente.


"Vamos recorrer. É ponto assente", disse à Lusa José Festas, presidente da Associação Pró Maior Segurança dos Homens do Mar, que integra todos os familiares das vítimas, residentes em Caxinas, Vila do Conde.


Em declarações à TSF, Manuel Maio, armador da "Luz do Sameiro" e pai do mestre do barco, também indicou que os familiares das vítimas vão recorrer do arquivamento do processo, defendendo que “houve um erro no salvamento” dos pescadores e que as autoridades responsáveis deveriam assumi-lo. “Não percebo por que razão não querem assumir o erro”, disse à rádio.


O barco encalhou no areal, a menos de 50 metros da Praia da Légua, no dia 29 de Dezembro e morreram seis dos sete tripulantes da embarcação, que estava sedeada em Vila do Conde. Alguns dos marinheiros agarraram-se à embarcação durante três horas até que a Força Aérea e as autoridades conseguiram chegar ao local, tendo resgatado apenas um dos tripulantes.


No despacho de arquivamento, que foi hoje noticiado pelo “Jornal de Notícias”, o Ministério Público atribuiu a gravidade da tragédia ao mau estado do mar, que prejudicou as operações de salvamento e arrastou a embarcação para uma zona de rebentação. As suspeitas de pesca de robalo junto à costa - uma prática ilegal quando feita por embarcações daquela dimensão - que pendiam sobre a tripulação foram também arquivadas pelas autoridades que apontam a escuridão da noite e um dano na hélice como as causas para o acidente.


Depois de o barco encalhar na areia, o casco virou-se e as redes foram espalhadas em redor da embarcação, dificultando o resgate com nadadores-salvadores dos sobreviventes, que não tinham coletes de salvação. Nos dias seguintes foram apontados vários problemas no sistema de socorro português, que alegadamente diminuíam a rapidez de resposta a crises deste tipo, mas o Ministério Público considerou que os indícios recolhidos não permitem a responsabilização criminal das autoridades.


Em paralelo, a Força Aérea abriu um inquérito para averiguar eventuais responsabilidades internas, mas o processo foi também arquivado devido a falta de indícios, acrescentou outra fonte do processo.


O comandante do Porto da Nazaré, José Miguel Neto, revelou que o barco deverá ser retirado do areal até ao final deste mês e está no local um sucateiro contratado pelo armador a desmantelar os destroços da embarcação.


No início deste mês, foi anunciado também um acordo entre o proprietário da embarcação e a seguradora que previa 390 mil Euros de indemnização. As famílias dos quatro pescadores cujos corpos foram resgatados já haviam recebido, em Fevereiro, 50 mil Euros cada, correspondentes aos seguros de acidentes pessoais. Os familiares dos dois pescadores que estão ainda dados como desaparecidos irão receber a verba que falta logo que apresentem a declaração judicial de morte presumida.


 

 


Podemos ainda dizer se achámos este artigo interessante, podemos deixar um comentário em http://www.publico.clix.pt/forms.aspx?id=1309090&idCanal=62&Origin=SCRIPTOR',545,350 ou ler os comentários dos outros leitores em http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1309090&idCanal=62&showComment=1

 


Jornal Público

www.publico.pt




publicado por raio às 08:56

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Novembro de 2007

Político Bacana ...

 ... Um problema de ordem fonética?...


Maria Relâmpago punha as leituras em dia, enquanto João Trovão via televisão. Quando em voz alta, João grita em sotaque brasileiro:

- Aquele político ali ... é um cara bacana, viu?!...

Apesar de Maria não ter visto de quem se tratava, não hesitou em questionar:

- Eih maridão! ... Você, agora está numa de trocar o “s” pelo “b”?...


publicado por raio às 08:52

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 15 de Novembro de 2007

Fechar a Porta Sff!

 ... ASAE


Nas conversas de fim do dia, Maria Relâmpago comenta com João Trovão:

- Olha! Hoje tive que ir almoçar a outro restaurante.

- Então porquê?

- Oh! Então ... Então ... a ASAE passou por onde eu costumo almoçar e fechou a porta.

- E qual foi o motivo?

- Sei lá! Essa entidade tanto fecha os estabelecimentos por falta de higiene, como por motivos burocráticos ou de incumprimento um qualquer artigo, dos muitos que estão espalhados por uma série de decretos-lei que regulam a actividade ... Até já me disseram que na restauração é exigível o cumprimento de regras semelhantes às que se aplicam nos laboratórios farmacêuticos ...

À indignação de Maria, João responde com um:

- Compreende-se!

- Compreende-se? ... Se aquilo que exigem e que tem levado ao encerramento temporário ou definitivo de tanto estabelecimento dessa área comercial, fosse mesmo perigoso para os clientes, já estaríamos todos mortos! ... Passou-se dos 8 para os 80 ... passou-se de uma situação em que se viam estabelecimentos pejados de teias de aranha e com todo o tipo de sujidade por tudo quanto era canto ... e ninguém morreu por causa disso ... para uma situação em que não se pode ter um armário de madeira na zona da cozinha ... assim como outras aberrações de teor semelhante ...

- Percebo a tua indignação ... mas não te esqueças que antigamente os produtos eram todos naturais ... agora são todos produto de transformações biológicas ou químicas ... portanto compreende-se que as cozinhas dos restaurante sejam vistos como laboratórios ...


Depois de alguns momentos de silêncio, Maria contrapõe:

- Ok! ... Se for por isso! E se estão mesmo interessados em salvaguardar a saúde dos portugueses, criem uma entidade de para fiscalizar e analisar a origem de todos os produtos alimentares e se as suas transformações químicas e biológicas ... são ou não nefastas para a saúde pública ... Ah! E não só os que são vendidos nesses estabelecimentos ...


publicado por raio às 15:44

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Novembro de 2007

Igreja ... e Sexo

Uma relação marcante nos anais ... da História ...


Maria Relâmpago apanha João Trovão pensativo a andar de um lado para o outro, gesticulando, com o olhar fixo no chão. Estranhando essa postura, Maria pergunta-lhe:

- João! O que é que te aconteceu?

Absorvido que estava, nos seus pensamentos profundos, a questão inesperada até o assustou ... mas lá respondeu gaguejando:

- Hã? ... Há aqui uma coisa que me ... anda a intrigar!...

- Que raio de coisa será essa? ... Que te meteu nesse estado?

- Surgiu-me uma dúvida ... a que não sei bem como responder! ... Porque será que os membros do Clero ... da Igreja Católica Apostólica Romana ... teimam em virar as costas ... sempre que se aborda a temática “sexo”?

publicado por raio às 08:43

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 13 de Novembro de 2007

Informações Úteis ...

Sobre o Cancro ...
 
No seguimento da recepção de um e-mail onde é solicitado algum material usado para ser encaminhado para crianças com cancro, procurei mais informação sobre esse tema e foi assim que descobri o site do IPOPFG, EPE - Instituto Português de Oncologia de Francisco Gentil em http://www.ipoporto.min-saude.pt/, nesse site para além de nos ser facultada informação sobre o modo de ajudar a referida instituição ou os seus utentes, podemos ler um conjunto de artigos que nos alerta para diversos assuntos relacionados com as doenças do foro oncológico.
 
Assim, em http://www.ipoporto.min-saude.pt/ComunicacaoImagem/PublicacoesOnline/Actualidade_IPO.htm podemos aceder a um conjunto de publicações on-line do referido Hospital e em http://www.ipoporto.min-saude.pt/ComunicacaoImagem/PublicacoesOnline/desdobraveis.htm podemos fazer o download de desdobráveis informativos, folhetos e posters de grande utilidade e que merecem ser divulgados.
 
Deixo-vos, como amostra, um artigo que transcreve o que se pode ler num desses desdobráveis.
 
 
Instituto Português de Oncologia de Francisco Gentil
Centro Regional de Oncologia do Porto, S. A.
 
 
Cancro - Prevenção
Mitos e Factos
 
 
Cancro: Mitos e Factos acerca da sua Prevenção
 
A palavra “Cancro“ ainda continua a causar algum medo em todos nós. Informações menos correctas sobre o cancro sustentam este receio. Haverá na realidade alguma possibilidade de prevenção desta doença? Muitos cancros poderão ser evitados?
Há alguns Mitos sobre a sua prevenção mas os últimos Factos são:
 
 
Mito: Não há nada que possa prevenir o Cancro
 
Facto
Errado. Cerca de 2/3 de todos os cancros podem ser prevenidos se evitar o tabaco, tiver uma alimentação saudável, praticar exercício regularmente, proteger adequadamente do sol, limitar ou evitar bebidas alcoólicas e cumprir os exames de rastreio aconselhados.
 
 
Mito: Muitos cancros são hereditários
 
Facto
Somente 5 a 10 % de todos os cancros são hereditários. Através de testes genéticos, pode-se hoje em dia determinar se uma pessoa com história familiar de cancro da mama ou do cólon tem risco elevado de ter uma destas doenças.
 
 
Mito: As bebidas alcoólicas diminuem o risco de cancro
 
Facto
Errado. Alguns estudos mostraram que a ingestão limitada de bebidas alcoólicas pode ter algum benefício para o coração, mas o álcool tem sido muito ligado ao cancro da mama, cólon e fígado. Quando adicionado ao tabaco o álcool aumenta muito o risco de cancro da cavidade oral e laringe. Se bebe, deve limitar o seu consumo para uma a duas bebidas por dia.
 
 
Mito: Quando se fuma durante 20 anos , os danos já estão feitos e é tarde para parar
 
Facto
Nunca é tarde. Fumadores que param antes dos 50 anos reduzem para metade o risco de cancro nos 15 anos seguintes em comparação com os que continuam a fumar.
O tabaco é responsável por 87% de todos os cancros do pulmão e 30 % de todas as mortes por cancro.
Não esquecer que os familiares de fumadores (fumadores passivos) têm risco aumentado para cancro do pulmão.
 
 
Mito: O uso dos solários não causa cancro da pele
 
Facto
Errado. Nos solários produzem-se radiações UV iguais às do sol.
Para prevenir o cancro da pele deve-se limitar o tempo de exposição ao sol ou nos solários, usar cremes de protecção solar SPF 15 ou superior. Quando no exterior, usar roupa de cor escura e óculos de protecção, nomeadamente na praia.
 
 
Mito: O que se deve comer ou não comer para prevenir o cancro é muito complicado para uma pessoa seguir continuamente
 
Facto
Errado. Seguindo-se alguns hábitos básicos de alimentação pode-se prevenir o cancro assim como outros problemas de saúde.
Estudos vários demonstraram que as pessoas que comem muitos frutos e legumes têm o risco diminuído de desenvolver alguns cancros.
Estes alimentos devem ser comidos 5 vezes ao dia e uma ou duas refeições devem ser pobres em gorduras e ricas em cálcio.
A obesidade tem sido associada com o aumento de risco de alguns cancros.
Associar à alimentação aconselhada um exercício físico regular (30 minutos por dia durante cinco dias / semana) ajuda-se a manter um peso equilibrado diminuindo assim o risco de cancro.
 
 
Mito: Somente as pessoas com alto risco de cancro necessitam fazer exames de rastreio
 
Facto
Errado. Todos os adultos devem fazer regularmente exames de rastreio, porque a detecção precoce assegura a possibilidade de muitos tratamentos serem curativos.
 
 
Gabinete de Relações Inter-Hospitalares e de Referenciação Clínica
 
Apoio: Núcleo Regional Norte, Liga Portuguesa Contra o Cancro
 
 
IPOPFG, EPE
Instituto Português de Oncologia de Francisco Gentil
 
 
publicado por raio às 08:56

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 11 de Novembro de 2007

Pelas Estradas de Portugal - Capitulo VI

... Constatações e Conclusões que se tiram ao observar ...

o panorama Rodoviário Nacional


Eis mais um extracto dos diálogos de João Trovão e Maria Relâmpago ao viajarem de carro pelo nosso país.


- Que carro era aquele? - Pergunta Maria ao ver uma viatura que não reconheceu.

- Então não viste? É um veículo normalíssimo ... só que está todo transformado graças ao “Tunning”.

- Mas aquilo é permitido?

- Há formas de homologar aquele tipo de alterações ... mas na sua grande maioria os carros alterados ficam em situação ilegal.

As explicações de João suscitam algumas dúvidas a Maria, que insiste:

- Então mas não têm que ser inspeccionados periodicamente?

- Têm, mas se por um lado há quem falte a essas inspecções ... por outro lado há carros que recebem o “selo verde” ... sem sequer passar pela linha de fiscalização dos centros de inspecção periódica.

- Como é isso?

- Está montado um “sistema” ... em que os proprietários desses veículos pagando um “x” a alguns responsáveis de oficinas especializadas em “Tunning”, estes conseguem junto de pessoas ligadas a determinados centros o tão desejado papel verdinho com o carimbo de “Veiculo Aprovado” ...

- Mas isso configura um caso de corrupção...

- Corrupção? Não! ... Em Portugal não há corrupção! ... Só negócios que não se enquadram temporariamente numa actividade legalmente reconhecida ...

publicado por raio às 08:40

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 10 de Novembro de 2007

Caixas de correio

... duplamente virtuais
 
João Relâmpago em frente ao seu PC, expressa a sua indignação:
- Irra! ...
Maria Relâmpago que estava por perto, afim de inteirar-se do que se passa, logo lhe pergunta:
- Então?
- Irrita-me estas caixas de correio duplamente virtuais!
- Duplamente virtuais?...
- Sim! Às coisas que não existem na realidade ... dá-se o nome de virtuais, não é? E às caixas de correio electrónico também se chama virtuais, logo aos endereços de e-mail que são publicitados, mas que na realidade não existem, podem-se chamar caixas de correio duplamente virtuais.
- E quem tem essas caixas de correio?
- Olha até bloggers! Já enviei umas quantas mensagens para bloggers, políticos, entidades publicas e particulares e o que acontece é que a mensagem retorna com a indicação de endereço de e-mail inválido ... ou então não obtenho qualquer resposta.
- Isso é estranho! Pelo menos os políticos fartam-se de vangloriar a internet ... ao mesmo tempo que defendem as políticas de proximidade com as populações ...
- Certo é que a maioria dos e-mails que mandamos a solicitar informações, a enviar alertas, a efectuar reclamações ... não são lidos ... mas se porventura, nos chatear-mos e escrever-mos um artigo denunciando este ou aquele facto publicamente, num site, num jornal ou até mesmo num blog, aí essas entidades, públicas ou privadas rapidamente colocam a sua equipa jurídica a fazer uma pesquisa minuciosa para descobrir quem fez essa denuncia e a elaborar um processo jurídico por difamação ... Filhos da p...
 
publicado por raio às 08:20

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 7 de Novembro de 2007

Eleição de Miss Lightning 2007

Concurso em Curso

 

Está aberto o Concurso para a eleição da "Miss Lightning 2007" aqui no Blogue Trovoada Seca".

 

 

As Candidatas (do Sexo Feminino) não têm que se sujeitar a nenhum Casting, só têm que enviar uma foto para o e-mail do contacto do blogue com a indicação do seu blogue, site ou fotoblog e inserir, caso o desejem, o  Selo de Participante no Concurso “Miss Lightning 2007” nesses mesmos locais.

 

Participantes:

 

 

 

 

 Teresita http://www1.fotolog.com/teresita__/22336307

 

Miss_Graci Cruz.jpg Graci Cruz http://gracicruz.blogspot.com

 

 

   Paula http://p4ul4.anda.ca/160889

 

 

   Clara Macília http://fotolog.terra.com.br/claramarcilia

 

 Cátia http://olhares.aeiou.pt/auto_retrato/foto1236172.html

 

 

 luliiii http://www.fotolog.com/luliiiii/

 

OoaLeoO http://mashable.hi5.com/friend/photos/displayPhotoUser.do?albumId=30444950&ownerId=36486324&currentIndex=4

 

 

 

JaninhA  http://janinha.hi5.com/friend/photos/displayPhotoUser.do?albumId=8865423&ownerId=10750815&currentIndex=4

 

 Viliana Fernandes - http://morenavili.nafoto.net/photo20070417151448.html

 

 Carolina - http://flashsdotempo.nafoto.net/photo20060604003547.html

 

 

 Diana - http://kanguru.hi5.com/friend/profile/displayGallery.do?userid=113411662&pic=1

 

 Kahrine Maciel -

http://oflusho.hi5.com/friend/profile/displayGallery.do?userid=106679318&pic=11

 

Agradeço que procedam à divulgação do Concurso, Colocando o Selo do Concurso “Miss Lightning 2007” nos vossos Blogues

 

Entretanto, aceitam-se sugestões, candidaturas e votações.

publicado por raio às 09:22

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Domingo, 4 de Novembro de 2007

A má-educação não é ...

 ... um “bicho” ... que surgiu espontaneamente com uma geração ...


A culpas dos visíveis problemas de delinquência juvenil, de indisciplina e de má-educação não podem ser atribuídos às gerações mais novas ou a uma determinada geração ... a responsabilidade terá que ser sempre atribuída aos seus pais, encarregados de educação e educadores que por incompetência ou por ignorância foram incapazes de transmitir aos seus filhos os melhores princípios.


Salientando que maus pais criam piores filhos, aconselho a todos quantos desejem encontrar soluções para os seus problemas relacionados com a educação dos seus filhos, uma visita ao site da POL - Psicopedagogia On-Line em http://www.psicopedagogia.com.br onde são dadas alguma dicas importantes.


Exemplo do que acabo de referir é o artigo publicado nesse site em http://www.psicopedagogia.com.br/opiniao/opiniao.asp?entrID=487 e que passo a transcrever:



 


AOS PAIS, UMA NÃO-RECEITA DE EDUCAÇÃO DOS FILHOS

Adriane Branco Folkis


Baseado no livro “As 7 piores coisas que os pais fazem” John e Linda Friel



Antes de tudo, é preciso lembrar que ao criarmos nossos filhos nunca erramos propositadamente. Educar filhos é uma das tarefas mais gratificante e ao mesmo tempo assustadora de nossas vidas. Aprimorá-la sempre é fundamental para que tenhamos resultados positivos e a certeza de que ‘seu melhor’ foi aplicado nessa árdua tarefa.


Já sabemos que não existem livros com “receitas” ou respostas certas e prontas para nossos problemas, mas conhecer alguns dos possíveis conflitos que atingem nosso quotidiano e prática como pais e mães, poderá amenizar e resolver aquilo que nos impede de uma melhor criação.


O ideal é sempre buscar o equilíbrio nas situações, ter uma postura clara e firme com seus filhos, saber o que deseja para você e permitir que seu filho encontre e busque pelos próprios desejos, e principalmente, não cometer as piores coisas como sugerem os autores.



1- Tratar seu filho como se ele fosse um bebé


Permita que seu filho enfrente os problemas que encontrará em seu caminho, escute-o, deixe que ele busque e sugira soluções. Não resolva tudo por ele, as dificuldades da vida existem e é preciso que ele aprenda a enfrentá-las e resolvê-las. Respeite-o e não menospreze aquilo pelo que ele sofre ou busca. Ensine-o a esperar, a lidar com as frustrações e com os limites, mesmo que os mais simples, pois gradualmente estará se fortificando para os mais complexos.



2- Passar seu casamento para o segundo plano


Os casais que mantêm um casamento saudável e feliz (mesmo com as inevitáveis crises), expõem aos filhos exemplos de felicidade e realização. Em consequência a vida familiar se intensifica na paciência, tolerância, respeito pelas necessidades individuais e busca pelo amor. “Bons pais passam boa parte do tempo com seus filhos. Eles também ficam juntos e a sós tempo suficiente, sem crianças por perto, para manter o casamento.” (FRIEL, 1999. p. 49)



3- Envolver seu filho em muitas actividades


Por necessidades sociais do século XXI adaptamos nossas famílias a muita rapidez, excessos e quantidades. Muitas vezes os pais sobrecarregam seus filhos acreditando prepará-los para o futuro, oferecendo-lhes todo preparo técnico, mas não emocional.


Quando os filhos têm espaço para perceber o que querem da vida e quem são, se organizam na vida e suas agendas. Definem suas actividades junto com os pais e sem exageros. Baseiam suas decisões em valores e pequenos momentos passam a ser valorizados.



4- Ignorar sua vida emocional e espiritual


O amadurecimento emocional e espiritual é contínuo e amplo. É provável que alguns pais precisem aprimorar sua espiritualidade para atingir a de seus filhos. É preciso desenvolver a humildade, sentimento de gratidão, a honestidade e decência, a coragem, devoção por alguma crença, paciência, capacidade de interiorização e socialização e compaixão. Através de exemplos a família e a sociedade se beneficiarão.



5- Ser o melhor amigo de seu filho


O grande problema de querer ser amigo de seu filho é que você não é o amigo dele. Ser pai é manter equilíbrio nas posturas e naquilo que diz.


Imagine seu filho convidando-o para uma pequena “arte”, ele lhe dando conselhos ou ouvindo seus problemas. Será que você saberá dizer-lhe não? E os limites?


É possível ser um pai amoroso sem ser camarada. As crianças aprendem com que observam e não com que é dito para elas. E de você eles precisam de bom exemplo, orientação, segurança e amor.



6- Não dar estrutura ao seu filho


O que realmente funciona muito bem é mostrar mais do que falar. Quando se tem uma estrutura interior e o controle dos impulsos, isso fica fácil. Se tivermos autocontrole, poucas regras porém firmes, ou seja, estruturas em nossas vidas e as aplicarmos nas relações familiares, nossos filhos crescerão em um ambiente estruturado e assim serão.



7- Esperar que seu filho realize os seus sonhos e não os dele


Não podemos pensar em controle total dos filhos nos dias de hoje. É claro, que não podemos negligenciar, é preciso haver limites deveres e responsabilidades. Porém as concessões são inevitáveis. É sábio ser flexível.


Nossos filhos não são nossas propriedades.


“O desafio é fornecer estrutura suficiente e orientação para que nossos filhos cresçam contando com lemes interiores, mas que a estrutura não seja demasiado rígida para não impedir que eles amadureçam. É um belo desafio. Os desafios são bons, porque nos mantêm vivos.” (FRIEL, 1999. p. 134).



Lembrem-se que não existem pais, filhos ou famílias perfeitas. Todos estão susceptíveis aos erros. O que vale é experimentar!



Publicado em 16/05/2006 16:49:00


Adriane Branco Folkis - Professora da 2º série do ensino fundamental do Colégio Fênix de Bauru – SP. Graduada em Psicologia e Pedagogia pela Universidade do Sagrado Coração de Bauru – SP.


 

 

psicopedagogia_online.gif



POL - Psicopedagogia On-Line - - Educação e Saúde Mental

www.psicopedagogia.com.br

 


publicado por raio às 08:56

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 2 de Novembro de 2007

Divulgação de Bloggers e Blogues

Balanço da Iniciativa
 
Desde o início desta rubrica, que tem vindo a ser actualizada regularmente todas as Sextas-feiras, já foram divulgados os seguintes bloggers e respectivos blogues:
 
- Além do Bojador e o seu Além do Bojador em http://alembojador.blogspost.com
 
- Alex e o seu “M.A.P.F.T.” em http://www.mapuft.blogspot.com
 
- AVerNavios e o seu “A Ver Navios” em http://avernavios.blogs.sapo.pt
 
- João Palmela e o seu “Fotografia de João Palmela” em http://fotografiadejoaopalmela.blogs.sapo.pt
- José Carrancudo e o seu “Educação em Portugal | Metas e Medidas” em http://educacao-em-portugal.blogspot.com
 
- LFM e o seu “desculpe qualquer coisinha” em http://desculpeqqc.blogspot.com
 
- Lua de Sol (Sara V.) e o seu “Asas para Voar” em http://asaspavoar.blogs.sapo.pt
 
- Mensageira e o seu “Memória Secretas” em http://memoriasecretas.blogs.sapo.pt 
 
- Mestre Viktor e o seu “Astro-Reiki [Reiki & Astrologia]” em http://mestreviktor.blogs.sapo.pt 
 
- Ogatogaga e o seu “Tiraram-me o Gato” em http://www.ogatogaga.blogs.sapo.pt
 
- Olinda Gil e o seu “Insomnia” em http://insomnia.blogs.sapo.pt
 
- Pansy e o seu “As Palavras e o Mundo” em http://palavrasdehelenita.blogspot.com
 
- rosamar e o seu “blog da rosamar” em http://pinkathayde.zip.net, o seu “rosamar's space” em http://rosamaria2948.spaces.live.com e o seu “as minhas imagens” em http://rosamaria2948.spaces.live.imagens.zip.net
 
- Sara V. e o seu “Tintas e Pincéis” em http://tintasepinceis.blogs.sapo.pt
 
- Shanti e o seu “How you Doing?” em http://howyoudoing.blogs.sapo.pt
 
 
Quem desejar vir a fazer parte de um próximo balanço desta iniciativa só tem que contactar a direcção do “Trovoada Seca” através do envio de um e-mail para o endereço mencionado na faixa lateral do blogue.
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 1 de Novembro de 2007

“Todos” ...

Quer dizer: ... “Todos”!!...


Maria Relâmpago chega a casa e antes de cumprimentar o seu marido, pergunta-lhe à “queima-roupa”:

- Escuta lá! ... Tu ... ouviste alguma coisa acerca deste ano ... ser considerado o Ano Europeu de Qualquer Coisa?

João Trovão avança, abraça a sua esposa ... dá-lhe um beijinho na boca e ... explica:

- Sim querida! Não se viram nenhumas acções ... mas na realidade a Comissão europeia e o Parlamento Europeu instituiram o ano de 2007 como sendo o Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos ... AEIOT ... mas convém salientar que este “todos” tal como a própria designação indica e qualquer miúdo com menos de dez anos sabe, engloba “todos” ... incluindo sindicalistas, feministas, sectaristas, ressabiadas, gays, burras e afins ... que por motivos inexplicáveis, se deram ao trabalho de alterar a designação original para Ano Europeu da Igualdade de Oportunidade para todos E TODAS ... Aliás! Nunca se ouviu chamar ao “Dia de Todos os Santos” ... “Dia de Todos os Santos e Santas”!...


***

ano eurpeu da igualdade de oportunidades para todos


2007 - Ano europeu da igualdade de oportunidade para todos - para uma sociedade justa

2007 - Année européenne de l’égalité de chances pour tous - vers une société plus juste

2007 - European year of equal opportunities for all - towards a just society



Relativamente a este tema o site da comissão europeia apresenta-nos em http://ec.europa.eu/employment_social/eyeq/index.cfm?cat_id=HW&

 a resposta à pergunta “como funciona?”


 


Como funciona?


Um dos princípios-chave do Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos é a descentralização. O Ano tem de ter em conta os diferentes níveis de progressos realizados em cada país relativamente à legislação em matéria de igualdade, os vários contextos socioeconómicos e culturais, bem como as sensibilidades dos países participantes neste Ano (27 Estados-Membros da UE, Islândia, Liechtenstein e Noruega). Por conseguinte, a maioria das actividades sob os auspícios do Ano Europeu decorrerão a nível nacional, regional e local.


A nível nacional, as actividades são identificadas e implementadas pelos Organismos Nacionais de Implementação (NIBs) nomeados pelos países participantes. Estes organismos definiram estratégias nacionais que explicam a forma como o Ano abordará a discriminação em razão do sexo, origem racial ou étnica, religião ou crença, deficiência, idade ou orientação sexual nos respectivos países.


A nível europeu, realizar-se-á uma abrangente campanha informativa e promocional, também definida como uma campanha ‘de envolvimento público’. Outras actividades financiadas a nível europeu serão:


- numerosas conferências e eventos, incluindo o Lançamento do Ano Europeu na primeira Cimeira sobre a Igualdade, organizado durante a Presidência alemã e a Conferência de Encerramento, sob a Presidência portuguesa;

- uma avaliação contínua das actividades do Ano, tanto a nível europeu como a nível nacional;

- uma série de inquéritos e estudos publicados pela Comissão Europeia em 2007 que serão alvo de debates a nível europeu e nacional.



Tanto a nível nacional como europeu, as actividades serão organizadas em torno dos quatro principais objectivos do Ano: direitos, representação, reconhecimento e respeito.


7,65 milhões de euros foram atribuídos às actividades a nível nacional. Cada país participante será de complementar o valor de financiamento que recebe da UE com um co-financiamento nacional de 50% disponibilizado pelo sector privado ou público, ou de ambos. Por conseguinte, este Ano envolverá, a nível nacional, um mínimo de 15 milhões de euros em projectos e actividades. Além disso, mais de 7 milhões de euros serão investidos a nível europeu nas actividades a realizar em toda a União.


 

 


Enquanto o site da União Europeia em http://europa.eu/scadplus/leg/pt/cha/c10314.htm dá-nos as seguintes explicações sobre a mesma iniciativa:


 


Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos (2007) - Para uma Sociedade Justa


 


O Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos pretende sensibilizar a população para os benefícios de uma sociedade justa e coesa. Preconiza iniciativas de sensibilização que tenham por objectivo combater atitudes e comportamentos discriminatórios, bem como informar os cidadãos sobre os seus direitos e obrigações. Inscreve-se numa abordagem transversal do combate à discriminação, que deverá permitir assegurar a aplicação correcta e uniforme do enquadramento legislativo comunitário em toda a Europa, pondo em evidência os seus princípios essenciais e angariando o apoio activo do público à legislação em matéria de não-discriminação e de igualdade.


 

 


ACTO


Decisão do Parlamento Europeu e do Conselho que institui o Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos (2007) - Para uma Sociedade Justa.


SÍNTESE


OBJECTIVOS GERAIS


Apesar dos progressos já conseguidos a nível europeu na eliminação da discriminação e na promoção da igualdade de oportunidades, muito há ainda a fazer. Toda e qualquer legislação, por mais cuidadosamente elaborada que seja, não passará de letra-morta se não for traduzida em acções de longo prazo por uma vontade política e não for amplamente apoiada pela população.


O Ano Europeu da Igualdade de Oportunidades para Todos constituirá uma oportunidade de promover uma sociedade mais coesa. Procurará sensibilizar melhor a opinião pública para o substancial acervo comunitário no domínio da igualdade e da não-discriminação, bem como mobilizar todos os interessados a fim de fazer avançar a nova estratégia-quadro da UE no referido domínio, inclusive após 2007.



OBJECTIVOS ESPECÍFICOS



- Sensibilizar a opinião pública para o direito à igualdade e à não-discriminação


É necessário que o público conheça melhor a legislação europeia sobre a igualdade e a não-discriminação, que constituem valores e princípios comuns da União. O Ano Europeu procurará fazer circular no conjunto da população a mensagem de que todas as pessoas, independentemente dos respectivos sexo, origem racial ou étnica, religião ou crença, deficiência, idade e orientação sexual, têm direito à igualdade de tratamento.


- Fomentar um debate sobre os meios de aumentar a participação na sociedade

Há que encetar um debate e um diálogo tendentes a favorecer uma maior participação dos grupos vítimas de discriminação, assim como uma participação equilibrada entre homens e mulheres.



- Celebrar e facilitar a diversidade


O Ano Europeu pretenderá alertar para o contributo positivo que todas as pessoas, independentemente dos respectivos sexo, origem racial ou étnica, religião ou crença, deficiência, idade e orientação sexual, podem dar à sociedade no seu conjunto.



- Lutar por uma sociedade mais coesa


O Ano Europeu procurará sensibilizar o público para a importância de promover boas relações entre os vários grupos que compõem a sociedade, em especial entre os jovens, bem como abolir os estereótipos, os preconceitos e a violência.



CONTEÚDO DAS ACÇÕES, ORÇAMENTO E SELECÇÃO DOS PEDIDOS DE SUBVENÇÃO


As acções, independentemente de se realizarem à escala comunitária ou à escala nacional, pretendem alcançar os quatro objectivos atrás definidos e compreendem:

- Reuniões e eventos (como, por exemplo, as conferências de abertura e encerramento ou a primeira cimeira anual da igualdade).

- Campanhas de informação e promoção (logótipo, slogans, concursos, etc.).

- Inquéritos e estudos à escala comunitária ou à escala nacional.


O orçamento previsto para o Ano Europeu de 2007, no período compreendido entre 1 de Janeiro de 2006 e 31 de Dezembro de 2007, é de 15 milhões de euros, 6 dos quais para o período que termina a 31 de Dezembro de 2006.

As acções à escala comunitária podem ser subvencionadas até 80% ou dar origem a contratos públicos financiados pelo orçamento geral da UE. As medidas de âmbito local, regional ou nacional podem ser co-financiadas pelo orçamento geral da UE até um máximo de 50% do total dos custos consolidados.



CONCRETIZAÇÃO

A Comissão assegurará que as actividades definidas a nível europeu serão coerentes e complementares relativamente às acções pertinentes a nível comunitário (fundos estruturais, desenvolvimento rural, educação, cidadania ou direitos fundamentais), nacional e regional.


Trabalhar em parceria com os países participantes


A participação no Ano Europeu está aberta aos Estados-Membros, aos países da EFTA/EEE, aos países candidatos que beneficiam de uma estratégia de pré-adesão, aos países dos Balcãs Ocidentais, segundo as modalidades definidas nos respectivos acordos, e aos países parceiros da política europeia de vizinhança, de acordo com os seus planos de acção (PEV).


Cada Estado-Membro deve criar ou designar uma entidade nacional de execução para organizar a participação nacional no Ano Europeu, definir a estratégia e as prioridades nacionais e seleccionar as diferentes acções a propor para financiamento comunitário.



AVALIAÇÃO E ACOMPANHAMENTO


A Comissão apresentará ao Parlamento Europeu, ao Conselho, ao Comité Económico e Social Europeu e ao Comité das Regiões, até 31 de Dezembro de 2008, um relatório sobre a execução, os resultados e a avaliação global das medidas previstas na presente decisão que entrou em vigor em 20 de Junho de 2006.



REFERÊNCIAS E PROCEDIMENTO


 

Acto

 

Entrada em vigor - Data do termo de vigência

 

Prazo de transposição nos Estados-Membros

 

Jornal Oficial

 

Decisão n.°771/2006/CE

 

20 de Junho de 2006

-

 

JO L 146 de 31.05.2006

 

 


ACTOS RELACIONADOS


Comunicação da Comissão ao Conselho, ao Parlamento Europeu, ao Comité Económico e Social Europeu e ao Comité das Regiões, de 1 de Junho de 2005, intitulada «Combate à discriminação e igualdade de oportunidades para todos - Uma estratégia-quadro» [COM(2005) 224- Não publicada no Jornal Oficial].

Livro Verde da Comissão, de 28 de Maio de 2004, intitulado «Igualdade e combate à discriminação na União Europeia alargada» [COM(2004) 379- Não publicado no Jornal Oficial].


Última modificação: 7.8.2006


 

 


CE - Comissão Europeia

www.ec.europa.eu


 


UE - União Europeia

www.europa.eu


publicado por raio às 03:02

link do post | comentar | favorito
|

@Autores

@pesquisar

 

@Taxa de Câmbio

CONVERSOR DE MOEDAS

instale no seu site [ gratuitamente ]

@Queres colaborar neste blogue?

@ Yes!... Quero colaborar neste blogue!!

@Selo do Blogue

@Cont@cto

A área de Comentários deste Blogue está aberta para permitir o direito de resposta às entidades visadas e para que todos possam dar a sua opinião sobre os temas abordados e artigos aqui publicados, todavia:
 
@ Se encontrou algum erro nos artigos publicados;
 
@ Se tem algum artigo que gostasse de ver publicado neste blogue;
 
@ Se tem ideias ou tópicos relativos a algum tema que aqui queira ver desenvolvido;
 
@ Se desejar deixar uma critica ou uma sugestão ou se simplesmente desejar entrar em contacto com o autor do Blogue Trovoada Seca;
 
Pode enviar a sua mensagem para o e-mail: trovoada.seca@gmail.com
 
(Todas as mensagens com publicidade duvidosa ou a noticiar que eu ganhei uma lotaria internacional serão imediatamente reportadas como SPAM)

@posts recentes

@ Formações de Reiki e Karu...

@ Sábado às 15:30h

@ O LIVRO...

@ Lançado o Livro "Partilha...

@ Cursos em dezembro...

@ Karuna...

@ Diagnóstico...

@ Actividades de Outubro [d...

@ ...

@ Cultura ...

@ Inês apela à solidariedad...

@ Maio de Norte a Sul...

@ Agenda de Maio em Resumo

@ ...em MAIO...

@ KARUNA, um desenvolviment...

@ Local Oficial do Projecto

@ Este mês: Reiki & Karuna

@ Actividades no FUNCHAL

@ O Reiki explicado em Víde...

@ Últimas actividades de Fe...

@ em Fevereiro

@ Curso de Iniciação ao Rei...

@ Afinal qual é a maior sem...

@ Resultados Eleitorais

@ Reiki uma História...

@ Novidades...

@ Actividades de Setembro

@ Sacanas Sem Lei

@ Reiki: Exemplo de uma ses...

@ Curso Nível III

@ WorkShop de Reiki

@ Actividades para Junho

@ "URGENTE - MENINO RAPTADO...

@ Actividades da Primeira Q...

@ Europeias

@ Para ti o que é mais impo...

@ A Grande Relação …

@ Encontro/Convívio Reikian...

@ Última Hora - Importante ...

@ Actividades de Maio

@ Vendo Carro – Óptimo Preç...

@ Curso de Iniciação ou Nív...

@ Beira Interior

@ O Verdadeiro Significado ...

@ Iniciação ou Nível I

@ Iniciação ou Nível I

@ Cursos de Iniciação em Fe...

@ Subsidiar o Arrendamento ...

@ PROCURA-SE [Adolescente D...

@ Reiki... no Baixo Alentej...

@Blogs

@ A
AFSP Notícias
Alma Roubada
Amizades e Flores
A Padeira de Aljubarrota
Arco-Íris da Vida
Arte e Magia no PSP
Asas Para Voar
As Minhas Imagens
As Palavras e o Mundo
A Sul
Astro-Reiki [Reiki & Astrologia]
A Ver Navios


@ B
Blogadinha dos Virtuais
Blog da Rosamar
Blog Oficial do Blogs Sapo
Blog da Rosamaria
Blog do Rums
Blog Oval

@ C
Cansei
Cantinho da Rosa
Carlinha Pink
Carne Azeda
Casa do Consultor
Cinda Moledo
Clouberry
Colcha de Retalhos
Columbófilia
Cópia Perfeita
Coração Solidário
Critica na Rede
Crónicas de Uma Mãe Atrapalhada
Cuidem de Nossos Animais

Curtas Metragens


@ D
DaPlanície
Dark Angel
Desculpe Qualquer Coisinha
Docas nas Asas do Desejo
Do Miradouro

@ E
Educação em Portugal | Metas e Medidas
Eimar Suely
Elástico da Cueca
Emolicious
Escavar em Ruínas
Estórias da Minha Terra
Estou Estupefacta
Estrela do Céu
Eu & Eu Neusa Beatriz
Extras by Kika

@ F
Fascínio, Arte e Beleza nos Automóveis e na Mulher
Ferreirinha
Florbytes
Fora de Jogo
Fotografia de João Palmela

@ G
Genny
Geração Rasca
Gifs da Kaká

@ H
How you Doing?

@ I
Ideologia e Biologia
Insomnia

@ J
Jesus Minha Rocha
@ K
Kruzes Kanhoto

@ L
Loirinha
Lol Tuga
Lua Blog
Lugar ao Som
Luz do Desejo

@ M
MAPUFT
Maripossa
Memórias Secretas
Mitos, Modas, Clichés
Moranguitoooos
Mundo Animal
Mundo Animal
My Litle Space

@ N
@ O
O Cantinho da Estrela
O Cantinho da TiBéu
O Cantinho dos Miudos
O Incrível Diário da Carochinha
Olha_por_Mim
O Muro das Lamentações
O Outro Lado
Opinião em Duplo
Oportunity
Os Bigodes do Gato
O Sino da Aldeia
O Sítio da Bola de Cristal

@ P
Paixões e Encantos
Paz Original
Penso, Logo Existo ...
Poesia de Augusto P. Gil

@ R
Reflexões de Um Louco
Rir até Cair
Rita Moranguita
Rosamar's Space

@ S
Salvo-Conduto
Sandrita Dinis
Saobanza
Seduções
(Sem Nome)
SigaCafe
Simbioses
Sisters&Friends
Sofia Sama
Sorriso Alegre
Só Tenho Coisas que me Ralem

@ T
Tintas e Pincéis
Tiraram-me o Gato
Tou Aqui 42
Túlipa Branca

@ U
Última Flor do Lácio
Uma Vida ...

@ V
Vaga Aberta
Vampira Encantada
Velhinho Prega Secas
Verde Água
Vila Forte
Virginiana
Vitor Valente

@ W
Women Blog

@tags

@ sexo(47)

@ trovoada seca(46)

@ portugal(45)

@ reiki(42)

@ divulgação(39)

@ albufeira(37)

@ política(33)

@ sociedade(32)

@ saúde(30)

@ amor(29)

@ homem(29)

@ mulher(29)

@ eu(26)

@ vida(26)

@ algarve(23)

@ actualidade(22)

@ blogs(22)

@ ensino(20)

@ políticos(20)

@ bloggers(19)

@ destaque(19)

@ divulgação de blogues(18)

@ divulgador(18)

@ índice de blogues(18)

@ registo de blogue(18)

@ top(18)

@ karuna(17)

@ nível 1(17)

@ formação(16)

@ curso de reiki(15)

@ justiça(15)

@ mestre(14)

@ beja(13)

@ bem-estar(13)

@ futebol(13)

@ meditação(13)

@ pensamento(13)

@ lisboa(12)

@ curso(11)

@ amigos(10)

@ blog(10)

@ iniciação(10)

@ japão(10)

@ universo(10)

@ 2008(9)

@ energia(9)

@ estradas(9)

@ governo(9)

@ terapeuta(9)

@ 2009(8)

@ aprendizagem(8)

@ conselhos úteis(8)

@ eleições(8)

@ trânsito(8)

@ advogados(7)

@ alentejo(7)

@ blogue(7)

@ faro(7)

@ fevereiro(7)

@ religião(7)

@ vídeo(7)

@ atletas(6)

@ brasil(6)

@ crianças(6)

@ desporto(6)

@ notícias(6)

@ noticias(6)

@ portimão(6)

@ porto(6)

@ professores(6)

@ psd(6)

@ sapo(6)

@ silves(6)

@ tibete(6)

@ (5)

@ actividades(5)

@ ajuda(5)

@ almansil(5)

@ apr(5)

@ assaltos(5)

@ benfica(5)

@ blogues(5)

@ boliqueime(5)

@ compaixão(5)

@ curso de karuna(5)

@ hospitais(5)

@ informação(5)

@ iniciação ao karuna(5)

@ josé sócrates(5)

@ madeira(5)

@ nível 2(5)

@ noticia(5)

@ obras na via(5)

@ odemira(5)

@ partilha(5)

@ pequim 2008(5)

@ prisões(5)

@ reiki em albufeira(5)

@ televisão(5)

@ alunos(4)

@ todas as tags

@Sites

@ Astronomia
Astronomia na Web
Mapa do Céu

@ Agricultura e Pescas
MADRP - Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas

@ Bebés
Guia do Bebé

@ Bebidas
APCV - Associação Portuguesa dos Produtores de Cerveja

@ Bicicletas
69ª Volta a Portugal em Bicicleta/EDP -2007
SuperCiclismo Online

@ Biografias
Biografias
“O Leme” - Biografias

@ Bombeiros e Protecção Civil
ANPC - Autoridade Nacional de Protecção Civil

@ Câmeras On-line
Porto do Funchal - Webcam

@ Casas Pré-Fabricadas
FabPrefab - Portal da construção pré-fabricada
IberMódulo - Aluguer de Módulos e Equipamentos, Lda.

@ Cinema
Citi - Cinema
Expresso - Cartaz de Cinema
PT Gate - Cinema
Público - Cartaz de Cinema

@ Comunicação Social
A Bola On-line
Agência Lusa
Agência Lusa - Brasil
BBC News
Correio da Manhã
Destak
Diário Digital
DN - Diário de Notícias
Islam em Linha - Revista Virtual
JN - Jornal de Notícias
Máxima - Revista Feminina
Portugal Diário
Público
Semanário Sol
Zero Hora - Diário Brasileiro

RTP - RádioTelevisão Portuguesa
SIC
TVI


@ Consumidores
DECO - Associação de Defesa do Consumidor
Portal dos Consumidores - Instituto do Consumidor

@ Crianças
IAC - Instituto de Apoio à Criança
POL - Psicopedagogia On-Line - Educação e Saúde Mental

@ Defesa dos Direitos dos Animais
ANIMAL - Associação Nortenha de Intervenção no Mundo Animal

@ Design
AND - Associação Nacional de Designers
DPO - Dicionário Publicitário Online
Logo Design History - Logoorange (História de Símbolos e Logotipos)

@ Desporto Olímpico
Comité Olímpico de Portugal
Quadro de Medalhas
Jogos Olímpicos - Pequim 2008 (Site Oficial)

@ Diversos
Adiaspora.com
NetDisaster.com
Associação Cívica Vidas Alternativas

@ Ensino
ME - Ministério da Educação de Portugal

Universidade Bucks New University
UFC - Universidade Federal do Ceará

@ Estatísticas e Sondagens
INE - Instituto Nacional de Estatística
Marktest

@ Eventos
Agenda Lx

@ Federações, Confederações e Colectividades
CDP - Confederação do Desporto de Portugal
FPC - Federação Portuguesa de Columbofilia
FPDD - Federação Portuguesa de Desporto para Deficientes

@ Heráldica
Home Page do Físico

@ Impostos
Direcção-Geral dos Impostos
Declarações Electrónicas

@ Instituições Internacionais
CE - Comissão Europeia
CPLP - Comunidade dos Países e Lígua Portuguesa
UE - União Europeia

@ Justiça
MJ - Ministério da Justiça de Portugal

@ Juventude
Portal da Juventude

@ Literatura
Projecto Vercial - Base de Dados sobre Literatura Portuguesa

@ Magia
Associação Portuguesa de Ilusionismo

@ Mapas
Mapa de Portugal

@ Matemática
Matemática Divertida

@ Meteorologia
Instituto de Meteorologia
MeteoPT - Fórum de Meteorologia

@ Municípios
Câmara Municipal de Belmonte
Câmara Municipal de Lisboa

@ Música
Cifras.Com.Br

@ Pintura
WebArt

@ Política

Portal da Presidência da República Federativa do Brasil

Portal da Presidência da República Portuguesa

Portal do Governo Brasileiro

Secretaria de Imprensa - Presidência da República Federativa do Brasil

BE - Bloco de Esquerda
CDS-PP - Partido Popular
CNE - Comissão Nacional de Eleições
PCP - Partido Comunista Português
PCTP-MRPP - Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses
PEV - Partido Ecologista "Os Verdes"
PNR - Partido Nacional Renovador
Portal do Governo
PPD-PSD - Partido Social Democrata
PS - Partido Socialista

@ Religião
Agência Ecclesia - Agência de Notícias da Igreja Católica em Portugal
Budismo! Do Brasil Internet
Clério’s Home Page - Clério José Borges de Sant’Anna
Ecclesia-Brasil
Islam em Linha
Orações
Padre Marcelo Rossi - Site Oficial
Paróquia de São Pedro
Portal da Família
Sociedade Internacional Gita do Brasil (Gita-Ashrama Brasil)
SDPF - Secretariado Diocesano Pastoral Familiar - Diocese de Coimbra
UCP – Universidade Católica Portuguesa

@ Saúde
AMI - Assistência Médica Internacional
APCC - Associação Portuguesa do Cancro Cutâneo
APDP - Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal
APFADA - Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer
Instituto Nacional de Cardiologia Preventiva - Prof. Fernando Pádua
INFARMED - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, I.P.
IPOPFG, EPE - Instituto Português de Oncologia de Francisco Gentil
Liga Portuguesa Contra o Cancro
Portal da Saúde - Ministério da Saúde

@ Segurança
GNR - Guarda Nacional Republicana
MAI - Ministério da Administração Interna
PJ - Polícia Judiciária
PSP - Polícia de Segurança Pública

@ Seguros
APS - Academia Portuguesa de Seguros
APS - Associação Portuguesa de Seguros
ISP - Instituto de Seguros de Portugal

@ Sindicatos
CGTP - Intersindical Nacional

@ Solidariedade
Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião
CNIS - Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade

@ Superfícies Comerciais
Modelo Continente SGPS, SA

@ Telefones
Páginas Amarelas
Páginas Brancas

@ Tradições
Folclore

@ Trânsito
EP - Estradas de Portugal, E.P.E.
Fastaccess - O Portal do Automobilista
SR - Segurança Rodoviária

@Concurso

@ Eleição de Miss Lightning...

@as minhas fotos

@arquivos

@ Janeiro 2014

@ Fevereiro 2012

@ Janeiro 2012

@ Dezembro 2011

@ Novembro 2011

@ Outubro 2011

@ Agosto 2011

@ Outubro 2010

@ Agosto 2010

@ Julho 2010

@ Junho 2010

@ Maio 2010

@ Abril 2010

@ Março 2010

@ Fevereiro 2010

@ Dezembro 2009

@ Outubro 2009

@ Setembro 2009

@ Agosto 2009

@ Julho 2009

@ Junho 2009

@ Maio 2009

@ Abril 2009

@ Março 2009

@ Fevereiro 2009

@ Janeiro 2009

@ Dezembro 2008

@ Novembro 2008

@ Outubro 2008

@ Setembro 2008

@ Agosto 2008

@ Julho 2008

@ Junho 2008

@ Janeiro 2008

@ Dezembro 2007

@ Novembro 2007

@ Outubro 2007

@ Setembro 2007

@ Agosto 2007

@ Julho 2007

@ Junho 2007

@ Maio 2007

@ Abril 2007

@ Março 2007

@Contador


@Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28
29
30
31
blogs SAPO

@subscrever feeds

@Blogosfera

Estou no Blog.com.pt

Classifique o nosso site
no mundoPT.com



link.blog-Teorias
PT Bloggers a directoria de blogs Portugueses
BlogBlogs.Com.Br
Votez pour mon site !
Search For Blogs, Submit Blogs, The Ultimate Blog Directory
Blog Flux Pinger - reliable ping service.





Personal Blogs - Blog Top Sites

Top Tuga

Sports Blogs
Create blog

BloGalaxia



blogaqui?


puBlog: textads portugueses