Terça-feira, 31 de Julho de 2007

Conquista de Lisboa

... Embora com algumas variantes ... a história repete-se!...
 
- Então, amanhã, 1 de Agosto, António Costa toma posse como Presidente da Câmara Municipal de Lisboa - desabafo de Maria Relâmpago, a que João Trovão corresponde:
- Humm ... parece que sim ... vamos lá ver o que é que esse tipo vai fazer na capital portuguesa ... mas ... como sempre que olho para ele ... lembro-me daqueles Sargentos gordos, balofos e lateiros do exército, daqueles que têm muita lábia, mas nada fazem além de comer e beber ... tenho muitas dúvidas! ...
- Olha eu ... Ao ver como António Costa conquistou Lisboa lembro-me é da conquista de Lisboa aos Mouros em 1147, por D. Afonso Henriques ... é que à semelhança da lenda que relata essa conquista ... também nesta, para que uns entrassem, tal como aconteceu com Mem Martins ...
também houve quem tivesse ficado entalado ...e bem entalado ...
 
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Segunda-feira, 30 de Julho de 2007

A Problemática da Tuberculose ...

em Portugal e no Mundo
 
Mário Nogueira, director da Mãos Unidas P. Damião - Portugal (Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião) fez-me chegar informação importante sobre a tuberculose, doença em que Portugal se destaca por ter uma das mais elevadas taxas de incidência da Europa.
 
Aconselhando uma visita ao site deste organismo em www.maos-unidas.pt onde em http://www.maos-unidas.pt/Campanhas/Tuberculose/tuberculose.html é focada a problemática da Tuberculose em Portugal e no Mundo, passo a transcrever alguma da informação que me foi facultada:
 
 
A TUBERCULOSE
Questões e Respostas
 
- Que é a Tuberculose?
A Tuberculose é uma doença infecciosa causada por um micróbio chamado Bacilo de Koch.
 
- Sintomas mais comuns da Tuberculose
Tosse e expectoração persistentes. Expectoração em sangue, falta de força, cansaço, emagrecimento, falta de apetite e suores nocturnos.
 
- Como se transmite a Tuberculose?
Transmite-se através da inalação de partículas do ar que contêm o bacilo e através da tosse e da expectoração de doentes de Tuberculose. Quando o nosso organismo está mais enfraquecido é mais fácil adoecer com Tuberculose, principalmente nos casos de abuso de álcool, de drogas ou se é diabético.
 
- Tratamento
O tratamento de começar o mais rápido possível, daí Ter interesse diagnosticá-la precocemente. Para além do esquema terapêutico existente e que assenta essencialmente em quatro medicamentos, a luta contra a Tuberculose passa pela vacina BCG que existe actualmente, mas eficácia contra a Tuberculose passa pela descoberta de uma vacina que seja eficaz na prevenção da doença.
 
- A eficácia do tratamento
Desde alguns anos, o tratamento pela quimioterapia permite aumentar a eficácia da cura. Curando um doente de Tuberculose pulmonar, evitamos o contágio de seres humanos que lhe são próximos.
 
- Quando a tuberculose se associa a outras doenças
Um estudo em 2002-2005, revelou que houve um crescimento de doentes de Tuberculose infectados pelo vírus da Sida e Toxicodependentes.
 
 
ACTUALIDADE DA TUBERCULOSE: Em Números
 
A Tuberculose no Mundo:
Actualmente, o número de Doentes de Tuberculose é assustador, senão vejamos:
 
- 40 milhões de Tuberculosos em todo o mundo.
- Segundo a OMS são 50 milhões que estão infectados pela Tuberculose.
- 8 milhões de novos casos por ano.
- 3 milhões de Tuberculosos morrem por ano.
- 1.700.000 de seres humanos possuem o bacilo da Tuberculoses e correm o risco de desenvolverem a doença.
- 1 pessoa morre em cada 10 segundos.
- 8.000 morrem por dia.
- Este ano, mais de 1 milhão de mulheres e mais de 100 mil crianças morrerão.
 
 
A Tuberculose em Portugal:
 
- 4552 casos registados em Portugal. Foi nas prisões que o número de casos disparou.
- Em cada dia, 12 portugueses são contagiados pelo bacilo.
- Os nosso casos, 60% são homens entre os 25 e 34 anos, residentes nos distritos de Faro, Porto, Lisboa e Setúbal.
- De acordo com os dados da Direcção Geral de Saúde, a incidência da Tuberculose no âmbito nacional, é actualmente de 4552 casos, o que significa uma taxa de 31% por 100.000 habitantes.
- Segundo a mesma fonte, o distrito que representa maior incidência é o Porto com 60% por 100.000 habitantes, seguido de Lisboa e Setúbal.
- Em termos absolutos, o distrito de Lisboa é o que tem mais casos de Tuberculose infectados - 1176.
- Só na margem sul, no distrito de Setúbal, os concelhos de Almada, Seixal, Sesimbra, registaram, em relação ao ano anterior um preocupante aumento de 48% da taxa de incidência.
 
 
MÃOS UNIDAS P. DAMIÃO – PORTUGAL
 
Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião
 
Rua Gomes Freire, 211 – A/B
1150-178 LISBOA
 
Telefone: 21 351 57 20
Fax: 21 351 57 27
 
 
publicado por raio às 08:10

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Domingo, 29 de Julho de 2007

As 7 Maravilhas da Natureza ...

... Sete Maravilhas Naturais do Mundo ...
 
Numa conversa banal, Maria Relâmpago diz para João Trovão:
- Sabes? Bernard Weber, o organizador da eleição das “Novas 7 Maravilhas do Mundo” está a organizar a eleição das “7 Maravilhas da Natureza”?
- Em Portugal, as eleições normalmente são rentáveis para os participantes ... Mas está visto que essas eleições de que falas, são rentáveis ... para os organizadores ...
- Quem quiser já pode fazer as nomeações no site do evento em www.natural7wonders.com ... e os vencedores serão divulgados no dia 08.08.08 ...
Informação de Maria que esbarra na conclusão de João:
- Com tanto Oito não percebo porque é que não é a eleição das Oito Maravilhas Naturais do Mundo ... Mas o que te digo é que essa espécie de concurso já está no papo!... Portugal vai conseguir monopolizar os sete lugares! ...
- Como?
- De certeza que no dia 8 de Agosto de 2008 ... com os dedos de Maria João Pires, com os pés de Cristiano Ronaldo, com as mamas de Ana Malhoa, com a Garganta de José Mourinho, com as nádegas de Merche Romero, com o cabelo de Paulo Bento e com as pernas de Luciana Abreu ... com estas maravilhas da natureza ... Portugal vai arrebatar os sete lugares do Pódio!...
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 27 de Julho de 2007

Divulgação de Bloggers e Blogues

Ogatogaga e o seu “Tiraram-me o Gato”
 
 
Blogger
 
- Nick Name: ogatogaga
- Nome: Catarina Cabral
- E-mail: Catarina_cabral@sapo.pt
- Idade: 34 anos
- Localização: Lisboa
- Ocupação: Jurista
  
A principal razão que leva Ogatogaga a participar na blogosfera e a editar um blogue resume-se na necessidade absoluta de escrever.
  
Blogue
 
 
- Título: Tiraram-me o Gato
- URL: http://www.ogatogaga.blogs.sapo.pt
- Data de inicio: 5º feira, 15 de Fevereiro de 2007
- Descrição: Pessoal e transmissível, este Blog é público. Mas é sobretudo, um local onde a falta de senso do estruturado, o egocentrismo desconcertado e uma certa arte em saber falar de qualquer coisa existem. Isto é exorcismo de trazer por casa.
- Categoria: Pessoal
 
 
Segundo Ogatogaga, o texto que publicou e que melhor espelha a filosofia do seu blogue, é o seguinte:
 
Resposta 1: Era preciso ter muita lata para dar um título a este post no preciso momento em que o começo a escrever. E não sei exactamente do que vou falar. Assim, nas primeiras impressões próprias consciencializadas, não tenho assunto. Acho que é a primeira vez que isto me acontece assim, de uma forma tão definida.
  
 
É claro que outros momentos houve em que comecei a escrever e acabei a dizer coisas que, no inicio, não foram imaginadas. Porém, sempre tinha algo para começar. Alguma coisinha parvinha, pelo menos. Hoje não. Hoje nada. E ESCREVO. Estou a escrever. Enquanto o faço, concentro-me na busca do assunto. Um assunto qualquer. Mas, até agora, nada.
 
 Parei. 3 segundos. Lembrei-me . É o seguinte:
 
 Resposta 2:
 
  
Se há algo que me dá grande gozo neste blog é o descuidado com que posso escrever. Tudo sai ao ritmo dos pensamentos. Quase. Eu não consigo escrever tão depressa quanto penso. No entanto, esforço-me. Esta liberdade de escrever o que quero e como quero é inestimável. Os assuntos não têm de o ser propriamente. Os planos não existem. A estrutura vai-se montando. Não me preocupo nada com o aprofundamento dos casos. Não quero fazer esforço. Isto para mim é como jogar um King. Recuso-me a decorar cartas. Perco e ganho de acordo com a sorte, intuição e raciocínio. Mais nada. Não me importo de perder ao King. E por aqui (no blog) ninguém me paga nada. Realmente é uma pena que não se pague ou receba por actividades apenas relaxantes. É uma pena de um certo ponto de vista, evidentemente. É que, de outro modo de ver, se estas coisas dessem direito a recebimentos e compensações, o certo é que perdiam a essência ou o seu sentido útil. Não provocar pressões. 
 
 
 
Sobre a iniciativa “Divulgação de Bloggers e Blogues”, aqui no Blogue “Trovoada Seca” diz:
 
 
Esta iniciativa é das coisas mais interessantes que me aconteceu nos últimos tempos. Não posso fazer sugestões de melhoras para um processo que agora está a começar.
Não posso saber o que se pode melhorar, se não sei o que está a acontecer.
Mas espero saber. em breve.
 
Muito obrigada
  Catarina Cabral
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quinta-feira, 26 de Julho de 2007

Pelas Estradas de Portugal - Capitulo III

... Constatações e Conclusões que se tiram ao observar ...
o panorama Rodoviário Nacional
 
Eis mais um extracto dos diálogos de João Trovão e Maria Relâmpago ao viajarem de carro pelo nosso país, ora observando, ora tirando conclusões acerca do caos em que teima em permanecer o panorama rodoviário nacional.
 
...
- Olha João! ... Agora que passámos ali num cruzamento perigoso, imediatamente a seguir a uma curva sem visibilidade ... lembrei-me daquele programa da RTP 1 ... o ... aquele que estreou no dia 20 de Julho!...
- Quê?! ... o “Só Acontece Aos Outros”! ... Mas não me apercebi que lá tenham falado deste local?
- Não é isso! ... lembrei-me do programa, porque nele foi referido, incessantemente, que são nos meses de Julho e Agosto em que são atingidos os mais altos índices de sinistralidade automóvel ... no nosso país ...
- Não entendo! Onde queres chegar ...
- Não entendes tu! Nem entende muito “boa gente” ... mesmo aqueles que se dizem responsáveis ... mas que nunca são responsabilizados pelos seus actos ! ... Mas será assim tão difícil perceber que é nos meses de Julho e Agosto que mais pessoas vão conduzir para locais que não frequentam normalmente e que desconhecem parcialmente ou no seu todo ... e portanto é mais fácil virem a cair nestas armadilhas ... resultantes de uma rede viária mal traçada, mal iluminada, mal planeada, mal sinalizada ... bem, nem se pode dizer que é uma rede viária ... é mais uma teia viária ... em que qualquer condutor, mesmo que conduza com muita precaução ... pode ser apanhado ...
 
publicado por raio às 08:05

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Julho de 2007

Medicamentos Genéricos “Versus” Medicamentos de Referência/Marca

... Esclarecimentos (Muito) Importantes!...
 
A quem pergunta:
- Quem fiscaliza a qualidade dos medicamentos que estão no mercado português?
- Será seguro optar pelo medicamento genérico?
- A quem se deve comunicar um comportamento estranho de um medicamento?
 
O INFARMED responde e esclarece:
 
Todos os medicamentos colocados no nosso mercado são autorizados pelo INFARMED, após demonstração pelas empresas por eles responsáveis, de que têm qualidade, não comprometem a saúde dos doentes e são eficazes para a doença a tratar.
 
Relativamente à segurança dos medicamentos há que ter em conta que os mesmos podem apresentar alguns riscos. Na avaliação do medicamento, as empresas e as autoridades de saúde têm de analisar estes riscos tendo em conta a sua frequência e gravidade. Devem as empresas desenvolver mecanismos para evitar ou minimizar todos estes riscos. Contudo, não sendo possível eliminá-los ou reduzi-los, é nestas situações efectuada uma avaliação para determinar se a mais valia do medicamento em termos de saúde pública é superior aos riscos que ele apresenta. Nestas situações, é obrigatório que quer no Folheto Informativo que acompanha o medicamento, quer no Resumo das Características do Medicamento que se dirige aos profissionais de saúde, estejam referidos todos os riscos potenciais, para que o médico possa avaliar a adequabilidade do medicamento que prescreve à situação do doente.
 
Após ter sido concedida uma Autorização para Introdução do Mercado (AIM) a um medicamento, tendo este demonstrado qualidade, segurança e eficácia é necessário que exista uma monitorização, por parte dos profissionais de saúde, das reacções adversas, particularmente as graves. No caso de existir um aumento da frequência das reacções adversas serão tomadas as devidas providências por parte das autoridades competentes.
 
Os medicamentos genéricos têm de ser similares ao medicamento de referência, ou seja, têm a mesma composição qualitativa e quantitativa de substâncias activas e a mesma forma farmacêutica. Para além destes requisitos, têm de demonstrar que se comportam da mesma maneira no organismo que o medicamento de referência/marca.
 
Os efeitos indesejáveis associados à toma de qualquer medicamento, encontram-se descritos no folheto informativo que acompanha o respectivo medicamento. Caso tenha alguma reacção inesperada ou adversa deverá entrar em contacto com o seu médico ou farmacêutico para que este profissional o aconselhe da melhor maneira e ao mesmo tempo notifique este Instituto. Sempre que ocorram reacções adversas graves o medicamento é retirado do mercado.
 
Centro de Informação do Medicamento e dos Produtos de Saúde (CIMI) do INFARMED
 
 
Saliento a importância desta informação na medida em que se fica a saber que se porventura ao tomar-se um medicamento genérico este reagir de forma diferente à do medicamento de referência, deveremos canalizar essa informação para o médico ou para o farmacêutico para que estes a façam chegar ao INFARMED, para mais esclarecimentos sobre esta matéria poderão contactar directamente esta entidade.
 
INFARMED
Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, I.P.
Parque de Saúde de Lisboa
Av. Brasil, 53 - 1749-004 LISBOA
Tel. 21 798 7373 / Fax. 21 798 7107
Linha do Medicamento - 800222444
 
 
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 24 de Julho de 2007

Aborto ...

na Madeira ... 
Alberto João Jardim.jpgJoão Trovão e Maria Relâmpago falam sobre a actualidade nacional ... quando Maria se vira para João e lhe pergunta:
- Que dizes aquela ideia de Alberto João Jardim não permitir a aplicação da Lei sobe a IVG na Madeira?
- Uma coisa normal!
- Normal?
- Sim! Normal ... dessa maneira, o Presidente do Governo Regional ... só está a impedir a existência de concorrência!...
- Quê? ... Ele tem clinicas onde se faz a Interrupção Voluntária da Gravidez de modo clandestino ou ilegal? ... Ou estás a querer dizer que ele ganha alguma coisa com o facto de o aborto continuar a ser proibido nessa região?
Equações de Maria que merecem a conclusão de João:
- Apesar de se poder pensar isso ... Eu não quis dizer nem uma coisa nem outra! ... O que eu quero dizer é que estando as mulheres impedidas de abortar nessa ilha ... ele continuará a ser o único aborto do Arquipélago! ... e até poderá mesmo passar a ser conhecido por Alborto ... João Jardim! ...
 
publicado por raio às 08:05

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 23 de Julho de 2007

Lepra

Panorama da doença de Hansen em Portugal
 
Tenho a consciência de que não estamos isolados do resto do mundo, pelo que qualquer doença que exista, deverá ser combatida em todos os países e o facto de ela não afectar os que nos são próximos não é motivo para fiquemos descansados, de braços cruzados.
 
Por mero acaso tive acesso a uma revista de uma Associação que se diz ter por missão apoiar os leprosos em Portugal e no Mundo. A visualização dos artigos publicados e que apontam para problemas graves em alguns países e para onde a referida Associação diz encaminhar dinheiro obtido nas campanhas de angariação de fundos, suscitaram-me as seguintes perguntas:
 
- Quantos são os afectados pela lepra em Portugal? Quais as suas principais dificuldades? Que apoios lhes são prestados?
- Ainda existem leprosarias a funcionar? Quantas? Têm Carências? Quais?
- A Lepra em Portugal está controlada? Haverá necessidade de nos mantermos alerta para um possível surto da doença? Como?
 
Atendendo a que na Internet os números disponíveis e que apontam para um total de cerca de um milhar e meio de leprosos, estão em artigos desactualizados e têm por fonte a mesma Associação que publica a citada revista, encaminhei um e-mail para um dos seus núcleos, solicitando informação sobre o Panorama da Lepra em Portugal, pois pareceu-me ser esta a instituição que melhor poderia estar por dentro da monitorização da doença, até porque possui vários núcleos espalhados pelo país, mas não obtive qualquer resposta. Todavia uma outra entidade a quem eu solicitei a mesma informação, fez o favor de enviar a seguinte resposta:
 
 
(...)
 
De acordo com o e-mail de V. Excia., informo que neste momento (já alguns anos), não há dados sobre a Lepra, pois não há casos que justifiquem, até a Direcção Geral da Saúde para a Lepra foi extinta.
 
(...)
 
 
Esta informação em conjunto com a ausência de resposta da Associação, que parece ter o monopólio da Lepra em Portugal, suscitaram-me um turbilhão de pensamentos, contudo, não quero acreditar que os números divulgados referentes ao número de afectados possam estar inflacionados com o propósito de alarmar a população no sentido de fazerem com que esta seja mais benemérita nas campanhas de angariação de fundos.
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Domingo, 22 de Julho de 2007

Caldeirada de Peixe

... uma rica peixeirada com molho e picante
 
 
Sentados numa esplanada, com o mar como paisagem e uma refeição à base de peixe na mesa, Maria Relâmpago e João Trovão conversam, até que este começa:
- Acho que o carapau que está neste prato ... é aquele ... que quando sentiu o cheiro a bacalhau se armou em Pargo e mandou com a Sarda para cima da Baleia. A Maruca e a Chaputa viram e foram fazer queixa ao Camarão ... este ao aperceber-se que o Berbigão lhe podia estar a fugir das mãos ... foi ver o que se estava a passar. Bem! ... Gerou-se uma tal peixeirada, com o Polvo a ver que aquilo ainda ia dar Raia. E assim foi, pois tudo só acabou quando o Carapau levou com uma Sapateira na Santola ...
 
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 20 de Julho de 2007

Divulgação de Bloggers e Blogues

Olinda Gil e o seu “Insomnia”
 
 
Blogger
 
- Nome: Olinda Gil
- Idade: 25
- Localização: Aljustrel (Beja)
- Ocupação: Desempregada
 
- As Principais razões que levam Olinda Gil a participar na blogosfera e a editar um blogue, escritas na primeira pessoa:
 
 
Comecei nos blogs em 2004.
 
O que me leva a escrever é sem dúvida o gostar de escrever.
 
Escrever num blog é conseguir mostrar aos outros um pouco daquilo que se escreve.
 
Olinda Gil
 
 
Blogue
 
- Título: Insomnia
- URL: http://insomnia.blogs.sapo.pt
- Inicio: Janeiro de 2006
- Descrição: Ditos doidos provocados por insónias, pesadelos e ataques de sonambulismo.
- Categoria: Generalista
 
Neste blog, Olinda Gil expressa a sua opinião sobre os mais diversos temas.
Segundo a minha opinião, um dos artigos que, de um modo indirecto, espelha a filosofia deste Blogue está em http://insomnia.blogs.sapo.pt/26118.html
 
 
Um blog feminino?
É o meu blog um blog feminino?
 
É, por força da natureza. Se eu sou mulher, o meu blog é inevitavelmente feminino.
 
Mas... será que o meu blog tem alguma coisa a ver com esses blog ditos "femininos"? Desses que abordam temas da "feminilidade", talvez porque as autoras leram muitos livros da trupe Teolinda & Companhia, ou então dos outros, Margarida & Companhia...
 
Nesses termos talvez não seja. Vejamos porquê:
 
1 - O meu blog não fala de sexo, e muito menos do meu sexo. Se tenho muito, se tenho pouco, se não tenho, se foi bom, se foi mau, se me maltrataram, se me foram indiferentes, se me idolatraram. Só me interessa a mim não é?
 
2 - Não falo de filhos. Para já porque não tenho. Depois porque ainda não estou em idade de eles me fazerem falta. E mesmo que os tivesse, não me ia por a contar quando lhe nasceram os dentes, quando começaram a andar e quando disseram as primeiras palavras.
 
3 - Não conto a discriminação que me fazem por ser mulher. Nunca me aconteceu!
 
4 - Não falo de como é difícil ser mulher. Talvez pela minha idade... Não sou adolescente, não tenho de conciliar família e emprego, não estou na menopausa, não sou solteirona, nem sou idosa. Não tenho problemas que não se resolvam com tampões e pilulas.
 
 Olinda Gil
 
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Julho de 2007

Violência Sexual

... Informações Úteis ...
 
Numa época em que a violência sexual, nas suas mais diversas variantes, está na ordem do dia e saltou para a comunicação social será de visitar o Portal da Juventude onde em http://juventude.gov.pt/Portal/OutrosTemas/SaudeSexualidadeJuvenil/, é abordado o tema da sexualidade juvenil e em http://juventude.gov.pt/Portal/OutrosTemas/SaudeSexualidadeJuvenil/ProblemasSexualidade/A+violência+sexual.htm,
pode-se obter informação sobre os contornos da violência sexual.
 
 
A violência sexual
 
É considerada violência sexual as situações de abuso, violação e assédio sexual. É a passagem ao acto quando o outro não o deseja, é uma agressão focalizada na sexualidade da pessoa, mas que a atinge todo o seu ser, é crime punido pela lei.
Alguns artigos do código penal relativos a crimes de índole sexual: art. 163º, art. 164º, art. 171º, art. 172º, art. 173º, art. 174º art. 175º e art. 176º, ainda há mais artigos na Legislação portuguesa, só que devido a poder ser muito exaustivo, deixamos apenas alguns exemplos.
As marcas físicas e psicológicas da violência sexual são frequentemente muito grandes e não falamos apenas de ferimentos, infecções sexualmente transmitidas ou gravidezes não desejadas. Não podemos esquecer que o uso da coacção psicológica, da “chantagem” enquanto uso do poder, é também muito frequente, sendo em muitos casos uma forma que o agressor usa para confundir e criar situações de grande ansiedade e angústia na vítima.
 
 
Como se define abuso sexual
 
Chama-se abuso sexual quando o comportamento de alguém do sexo masculino ou feminino face a um menor, engloba a prática de um acto sexual com penetração, (cópula, coito anal ou coito oral).
Consideram-se ainda como situações de abuso, as práticas de carácter exibicionista perante o outro, obscenidade escrita ou oral, obrigatoriedade de assistir a espectáculos pornográficos, o uso de objectos pornográficos, ou ainda se o menor é usado para fins fotográficos ou filmes de índole pornográfica, (Art. 172º e 173º, Código Penal).
 
 
Como se define violação
 
A violação é outra forma de violência e abuso sexual, que a maior parte das leis define como agressão sexual com penetração sem consentimento mútuo. O importante é que se trata de um acto de violência física ou psíquica que condiciona a liberdade do outro, obrigando-o a aceitar comportamentos sexuais que não deseja. De uma forma geral existem um maior número de casos de violação praticados por pessoas do sexo masculino, face ao sexo feminino e ao mesmo género.
 
 
Como se define assédio
 
O assédio sexual é um conceito que se poderá definir como uma forma de pressão sobre outra pessoa, com o fim de lhe impor relações sexuais ou outras práticas que esta não deseje e que portanto, de algum modo a violentem.
 
 
As situações de violência sexual são muitas vezes difíceis de denunciar ou sinalizar
 
Porque o medo da vítima induz ao silêncio e ao segredo, protegendo desta forma o agressor. A violência sexual é imposta, não corresponde portanto às necessidades de quem é abusado, violado ou assediado, seja qual for a sua idade, sexo, estado civil, profissão ou laço de parentesco. Frequentemente um dos motivos que leva a vítima a guardar silêncio sobre o acto que sofreu, é o facto de socialmente ser também vitimizada quando o denuncia, ou seja, ser duplamente vítima.
O silêncio não ajuda a esquecer, às vezes até aumenta a raiva e o sentimento de injustiça. A vítima é consequentemente tornada doente a nível psicológico, senão é ajudada através de uma terapia adequada.
 
 
O que fazer nestas situações? Quem contactar?
 
É importante que as vítimas falem sobre o que lhes aconteceu, com pessoas competentes e disponíveis.
- Sexualidade em Linha – Telefone: 808 222 003
- Associação Portuguesa de Apoio à Vítima – Telefone: 218 884 732
- Linha de Informação às Mulheres Vítimas de Violência – Telefone: 800 202 148
- Os Gabinetes de Apoio à Sexualidade Juvenil nas Delegações Regionais do IPJ
- www.juventude.gov.pt (Saúde e Sexualidade Juvenil)
Também podes contactar a PSP, GNR ou Polícia Judiciária, Institutos/Gabinetes Médico-Legais, o Médico-de-família.
Quando telefonares, lembra-te que do outro lado há sempre uma voz amiga, alguém que te ouve, respeita e te pode ajudar!!!
Não te esqueças que todos estes serviços são anónimos, gratuitos e confidenciais.
 
 
Quais as formas de violência sexual?
 
A violência sexual envolve todos os comportamentos sexuais, tornando-se progressivamente mais intrusivo ou invasivo. Inclui:
- Contactos físicos;
- Exploração sexual;
- Prostituição infantil
- Pedofilia
- Pornografia
- Comportamentos sem contacto físico como o exibicionismo, o ver e produzir material pornográfico, entre outros.
O que podes fazer: reclamar justiça para recuperar a tua própria dignidade e também por solidariedade a todas as raparigas e rapazes envolvidos nestas situações evitando assim que estas agressões se reproduzam... ter a certeza que a razão está do lado de quem é violentado .... e que mesmo passado muito tempo é sempre tempo de contar! No caso das raparigas ou mulheres estas podem recorrer à contracepção de emergência (até 72 horas depois). E não esqueças que aquela tua colega ou o teu amigo não mereciam mesmo o que lhes aconteceu!
Hoje em muitos serviços há profissionais que sabem como agir nestas situações.
 
 
Para além do tema abordado, o Portal da Juventude disponibiliza muitas informações úteis para jovens e não só.
 
 
 
Portal da Juventude
Linha da Juventude: 707 20 30 30
 
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 18 de Julho de 2007

Políticas Ambientalistas ...

ou Medidas Demagogicamente Disfarçadas?
 
Os problemas originados pela poluição levam a que Maria Relâmpago e João Trovão conversem sobre o tema, quando João Trovão se lembrou de algo que ouviu:
- Ouvi dizer, que num telejornal foi anunciado que o governo tenciona criar legislação no sentido de obrigar os supermercados a fazerem com que os seus clientes paguem os sacos de plástico das compras.
- Quer dizer uma pessoa sai de um Supermercado com um saco que faz publicidade a essa superfície comercial e ainda é obrigada a pagar? ... Que eu saiba só alguns parolos que vestem roupa de marca é que não se importam de pagar para fazer publicidade à marca da roupa que vestem ...
João refere a justificação que é dada para a implementação de tal medida:
- Parece que dizem que é uma medida ambiental ... para que não se deitem tantos sacos de plástico para o lixo ... num claro desperdício de matérias primas e de recursos do planeta ...
Esta justificação faz com que Maria levante uma questão:
- Hum! Então ... Significará isso que nas próximas eleições os Partidos Políticos já não vão conspurcar o país com sacos, bandeiras, cartazes, panfletos ... ??...
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 17 de Julho de 2007

Islam ou Islão ...

Corão ou Alcorão
 
Para quem não tenha uma visão fundamentalista da teologia e deseje saber mais sobre a religião Muçulmana sugiro que passe no site "Islam em linha" em http://islamemlinha.com/, aí na página http://islamemlinha.com/biblioteca/alcorao.pdf tem-se acesso ao Alcorão Sagrado em Acrobat Reader (*.pdf) numa tradução de Samir Alhayek. No entanto, no mesmo site, podemos aceder aos diferentes versículos que compõem o Livro Sagrado do Islão em http://islamemlinha.com/corao/index.htm.
 
Através do mesmo site podemos, ainda, aceder à Revista Virtual Islam em Linha em http://www.islamemlinha.com/revista/ onde se pode ler por exemplo a seguinte notícia:
 
Imprensa Americana Esconde Tortura em Crianças no Iraque
25 de janeiro de 2007
Por William Rivers Pitt
 
A maior história da guerra no Iraque não é sobre a não existência de armas de destruição em massa, ou sobre oficiais da CIA perseguidos por agentes da Casa Branca, ou mesmo sobre os mais de 900 soldados americanos mortos no conflito. Essas histórias foram publicadas de alguma maneira e com o tempo foram deliberadamente apagadas e esquecidas da mídia americana. A história mais candente do conflito não foi coberta por qualquer mídia americana, embora tenha sido noticiada pela imprensa internacional, sendo manchete por semanas seguidas desde então.
 
 
 
Islam em linha_logo.gifIslam em linha
 
 
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 16 de Julho de 2007

O tipo de Jogador que faz falta ...

... ao Glorioso ...
 
João Trovão lia as últimas noticias de desporto no seu diário desportivo quando foi abruptamente interrompido por Maria Relâmpago:
- Ah! ... a propósito de desporto ... sabes? Hoje os homens lá do escritório fartaram-se de falar do Benfica ...
- Sim? E então?...
- Parece que chegaram à conclusão de que o que faz falta ao Benfica é um ou dois jogadores explosivos ...
A resposta de Maria mereceu um rápido comentário de João Trovão:
- Sabes o que te digo? ... esses teus colegas não percebem nada de bola, são uns autentico analfabetos futebolísticos! ... Jogadores explosivos é o que não falta no Clube da Luz! ... Aliás é esse o grave problema da Águia! ... A maioria dos Jogadores do Benfica são explosivos! ... tão explosivos, mas mesmo, tão explosivos ...  que ainda antes de terminarem os exercícios de aquecimento ... já estão todos rebentados!...
 
publicado por raio às 08:00

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 15 de Julho de 2007

Há muito, muito tempo ...

... numa pequena aldeia ...
 
Sentados numa esplanada, com o mar como paisagem, Maria Relâmpago e João Trovão conversam, até que este começa:
- Agora, vou-te falar de uma pequena aldeia cravada entre a terra e o mar.
Há muito, muito tempo, nessa aldeia, as pessoas estavam divididas em quatro grupos: os cidadãos comuns, os políticos, os artistas e os empresários.
Cada um tinha um animal, de acordo com o seu estatuto, nomeadamente, cada cidadão comum tinha um burro, cada político tinha um cão, cada artista um macaco e cada empresário um porco.
- Então e qual eram as funções desses animais? - Pergunta Maria Relâmpago, curiosa.
- Oh! Então não se está mesmo a ver ... Enquanto os burros dos cidadãos comuns trabalhavam até caírem para o lado, os macacos dos artistas passavam o tempo a divertir-se, os cães dos políticos não paravam de ladrar, sem nada fazerem e os porcos dos empresários engordavam até não poderem mais ...
 
 
publicado por raio às 09:23

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 13 de Julho de 2007

Divulgação de Bloggers e Blogues

LFM e o seu “desculpe qualquer coisinha”
 
 
Blogger
 
- Nick Name: LFM
- Nome: Luis M
- E-mail: desculpeqqc@netcabo.pt
- Idade: 39
- Localização: Lisboa
- Ocupação: Delegado Comercial
 
- As Principais razões que  levam LFM a participar na blogosfera e a editar um blogue, escritas na primeira pessoa:
 
 
Considero-me uma pessoa bastante comunicativa e sinto necessidade de divulgar a minha opinião.
 
Por vezes sinto uma enorme necessidade de 'gritar', de chamar nomes a quem os merece, de 'acordar' os adormecidos ou dormentes.
 
Tal como um oftalmologista louco, que começar a colocar lentes nos olhos de quem não vê.
 
Mas acima de tudo, mantenho a calma e intercalo as minhas reacções de cólera, com momentos de humor ou simples preguiça (que é o outro pecado de que padeço, além da gula).
 
LFM
 
 
Blogue
 
- Título: desculpe qualquer coisinha
- URL: http://desculpeqqc.blogspot.com/
- Data de inicio: 11/01/2006
 
 
Segundo LFM, o artigo que melhor espelha a filosofia deste seu Blogue está em http://desculpeqqc.blogspot.com/2006/02/liberdade-de-expresso.html#links
 
Liberdade de expressão
 
 
"Je ne suis pas d'accord avec un mot de ce que vous dites, mais je me battrai jusqu'à la mort pour votre droit de le dire."
 
Não estou de acordo com uma palavra do que diz, mas bater-me-ei até à morte pelo vosso direito a dizê-lo.
 
# posted by LFM @ 8:51:00 PM - 19 Fevereiro 2006
 
 
Sobre a iniciativa “Divulgação de Bloggers e Blogues”, aqui no Blogue “Trovoada Seca” diz:
 
 
 
Já houve várias iniciativas deste género, mas dou-vos os meus parabéns pelo texto formal que solicita à participação.
 LFM
 
publicado por raio às 09:00

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 12 de Julho de 2007

A Bunda Larga

... É o Futuro!...
 
Bunda Larga.jpg
O significativo aumento no número de utilizadores da Internet ...
[e o sedentarismo que lhe está associado]
... leva a que se possa dizer  ...
Cada vez há mais utilizadores da Internet com Bunda Larga” …
ou
… “a bunda larga é o futuro”!...
 
publicado por raio às 08:53

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quarta-feira, 11 de Julho de 2007

Sondagem

Cinco milhões passeiam nos centros comerciais
 
Segundo os resultados de 2006 do estudo Consumidor da Marktest, mais de cinco milhões de residentes no Continente dizem frequentar centros comerciais nos seus tempos livres.
Marktest.com, 3 de Julho de 2007
 
 
No artigo publicado em http://www.marktest.com/wap/a/n/id~e2f.aspx a Marktest faz saber:
Em 2006, o Consumidor (http://www.marktest.com/wap/a/p/id~9b.aspx) contabiliza 5 332 mil indivíduos que dizem ir a centros comerciais nos seus tempos livres, um número que representa 64.2% do universo composto pelos residentes no Continente com 15 e mais anos.
 
Este hábito é mais ou menos comum a todos os grupos demográficos, sendo no entanto ao nível da idade e da ocupação que se encontram maiores diferenças de comportamento.
 
Os jovens dos 15 aos 17 anos e os estudantes são os que mais dizem ter o hábito de frequentar centros comerciais nos seus tempos livres, 83.9% e 76.3%, respectivamente.
 
Entre os 18 e os 44 anos também se registam valores superiores à média, sendo os mais idosos os menos adeptos desta prática
 
As mulheres têm uma taxa superior à dos homens: 65.9% e 62.2%, respectivamente.
 
Entre as regiões, observam-se diferenças pouco significativas, sendo contudo na Grande Lisboa que a probabilidade de encontrarmos frequentadores de centros comerciais é maior: 69.6%. O Grande Porto, com 66.1%, e o Litoral Centro, com 65.8%, também apresentam um valor acima da média do Continente.
 
Entre as ocupações são observadas maiores diferenças, com os estudantes a destacar-se: 76.3% deles dizem frequentar estes centros nos tempos livres. Contrariamente, os reformados e as domésticas distanciam-se da média, com 54.8% e 58.0%, respectivamente. Os quadros médios e superiores e os técnicos especializados e pequenos proprietários também evidenciam um valor abaixo da média do Continente: 61.6% e 63.4%, respectivamente.
 
 
 
Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Consumidor da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.
03 Julho 2007
 
 
A Marktest.com autoriza a reprodução desta notícia nos meios de comunicação social desde que indicada a fonte: Marktest.com e outras fontes por ela citadas.
 
 
Consumidor
 
Marktest
 
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 10 de Julho de 2007

Trabalho Clandestino ... Versus ...

Imigração Ilegal
 
João Trovão fala com Maria Relâmpago sobre a recente cimeira da União Europeia com Brasil.
Falam da existência de indivíduos de origem brasileira que apesar de descontarem para a Segurança Social, apesar de apresentarem a declaração do IRS e de estarem inscritos no Serviço Nacional de Saúde, não conseguem o visto de trabalho em Portugal por problemas burocráticos originados por uma legislação deficiente. Até que Maria lembra-se das declarações do Primeiro-Ministro português e lança-as para o dialogo:
- Bem, José Sócrates disse na presença do Presidente Brasileiro, Lula da Silva que não abre um novo período de legalização extraordinário, pois dessa forma estaria a fomentar a imigração ilegal e o auxilio à imigração é crime.
Observação que merece resposta rápida de João Trovão:
- Pois é! Mas esse tipo, que se diz Engenheiro, está a confundir pessoas que entram na União Europeia sem documentos e sem identificação através de Espanha, com pessoas que tendo vindo do Brasil trazem toda a documentação, à excepção do visto de trabalho ... até porque nem todos são futebolistas nem artistas e para mais, esquece-se que o trabalho clandestino também é crime! E se essas pessoas estão em Portugal a trabalhar e até se querem legalizar, se o governo não o permitir está a auxiliar o trabalho clandestino ... e a beneficiar patrões sem escrúpulos que exploram trabalhadores imigrantes ilegais pois sabem que se estes forem fazer queixa das más condições a que são sujeitos, habilitam-se a ser punidos e a serem enviados para o país de origem ...
 
publicado por raio às 08:39

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 9 de Julho de 2007

Divulgação de Bloggers e Blogues

... Orgânica e Programa da Iniciativa
 
 
Como ninguém gosta de se sentir a falar para o boneco, todos os que possuem um blogue procuram descobrir a melhor forma de o divulgar, a formula que lhes permitirá obter uma boa perfomance em termos de visitas.
 
Estou certo que tão ou mais importante do que encontrar os portais certos onde se possam fazer os registos dos blogues, enviar extractos dos seus artigos via e-mail ou esperar ter a sorte de ser destaque num site, num jornal ou num programa radiofónico ou televisivo de grande audiência de forma a que os blogues aumentem o seu número de visitas, o método mais eficaz para que isso aconteça passa pela interacção entre bloggers, o que implica por exemplo fazer comentários, adicionar link’s, participar nas correntes bloguísticas, “adicionar como amigo” entre blogues do Portal Sapo, etc. etc..
 
É imbuído desse espirito de interacção entre blogues, que pretendo dar inicio, aqui no Blogue “Trovoada Seca” a um conjunto de artigos em que procederei à divulgação de blogues, do artigo que melhor espelha a sua linha editorial e quem é o seu autor, aliás, um pouco à semelhança da linha editorial que tenho vindo a seguir e que me tem levado a divulgar artigos de sites que me parecem interessantes.
 
Assim, agradeço que os interessados nesta iniciativa respondam à seguinte “espécie de inquérito” e a envie para o contacto do blogue. (A resposta a todos os itens é facultativa, pelo que no caso de não pretender tornar público algum ou alguns deles, agradeço que não envie dados falsos).
 
 
Blogger
 
- Nick Name:
- Nome:
- E-mail:
- Idade:
- Localização:
- Ocupação:
(Anexar Foto)
 
 
Blogue
 
- Título:
- URL: http://
- Data de inicio:
- Descrição:
(Anexar Imagem/Logotipo)
 
 
Curiosidades
 
- As Principais razões que o levam a participar na blogosfera e a editar um blogue;
- A transcrição do Texto publicado que melhor espelha a filosofia do seu blogue, se esse artigo tiver imagens agradeço que as envie.
 
Observações
 
- Pode neste item, por exemplo, dar a sua opinião sobre esta iniciativa e dar sugestões no sentido de a melhorar.
 
 
publicado por raio às 09:07

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 7 de Julho de 2007

Proponhamos o Jetset Nacional para ...

Património Mundial da Humanidade
 
Naquele dia, Maria Relâmpago chegou a casa com uma revista “cor-de-rosa” na mão e com uma ideia revolucionária na cabeça:
- João! João!!...
- O que é que foi agora? ... Trazes aí mais uma notícia escandalosa?...
- Amor, revista “cor-de-rosa” sem escândalo, não é revista ... mas não é sobre isso que te quero falar! ... é uma ideia que me ocorreu ... e é assim ... se entrou na UNESCO uma proposta para classificar o “Loch Ness” como Património Mundial da Humanidade ... porque é que não fazemos igual pedido para o Jetset Nacional!...?
João Trovão olha para Maria, franze o sobrolho e lá balbucia:
- Como? ... Porquê...? ... Explica lá isso ...
Maria, explica-se:
- Querido! As semelhanças são evidentes, pois, se na Escócia o “Loch Ness” é um lago em cujas águas turvas reina o lendário monstro Nessie, em Portugal o Jetset é um charco em que no seu lodo reina a célebre Lili Caneças ...
João Trovão escuta os argumentos da esposa e conclui:
- Hummm! ... Sempre que me lembro de Lili Caneças ... penso que ela vive a vida, tal como se esta fosse um jogo de cartas ... jogou Paus no sítio certo, Copas na altura exacta e Espadas no momento indicado ... e foi assim que ficou com os trunfos todos ... os Ouros ... na mão ... mas, agora que vens com essa conversa ... fiquei com uma dúvida ... será que Lili e Nessie não são duas identidades do mesmo ser?! ... Sendo essa a explicação que faltava encontrar ... e que justifica a dificuldade de encontrar o Nessie na Escócia ...
 
***
 
Na busca de informação sobre a vida e obra dessa famosa e célebre personagem do jetset português, colidi com diversos sites em que são apresentados extractos da sua biografia e/ou citações das suas frases mais mediáticas, mas o artigo que me reteve, foi um artigo publicado na Revista Máxima que se encontra disponível on-line em www.maxima.pt/0403/destaque/a02-00-00.shtml. Nesse artigo é feita uma extraordinária análise sociológica da interligação entre a Fama e a Obra em Portugal e no mundo e menciona-se o exemplo de Lili Caneças.
Passo a transcrever um extracto do mesmo.
 
 
FAMA e OBRA
 
(...)
 
Hoje, a fama é a própria obra e não a consequência de qualquer feito artístico, político, intelectual ou científico.
 
(...)
Nos dias que correm, fama não significa notoriedade. Para Teresa Costa Neves, especialista em comunicação e marketing, doutorada pela Universidade de Yale em Teoria da Comunicação, "Lili Caneças é assim o exemplo típico desta nova desregulamentação ética". O país real - as classes economicamente mais baixas, os cidadãos analfabetos, os iletrados, os que vivem do consumo das revistas cor-de-rosa - pensa que Lili é actriz ou pivot televisivo. "Sabe o que isto significa? Justamente a necessidade que as pessoas têm de encontrar reconhecimento para a sua fama, que é tanto mais difícil no seu caso quanto sabemos que esta senhora nada faz senão ir a festas."
 
 
Estes fenómenos são paradoxais do ponto de vista da análise sociológica, segundo Teresa Costa Neves.
 
"Em geral, o país real nãose importa de colar a ideia que tem de si próprio à representação social de Lili Caneças, por exemplo. A classe média, isto é, o grupo das pessoas que dispõe de habilitações académicas de nível superior ou ocupa os lugares cimeiros das estruturas sociais e económicas, recusa liminarmente esta colagem, transferindo a recusa para o facto de a Lili Caneças representar a construção imaginária da fama sem obra."
Carlos Castro, jornalista, especialista no universo social da fama, tem uma outra leitura destes fenómenos. Primeiro, afirma, a "Lili é das figuras mais fulgurantes porque tem um estilo próprio. Possui raça, uma imagem bonita, sabe falar, tem conhecimento de tudo e é uma simpatia para toda a gente. Não há festa que se faça sem que o seu nome não apareça no topo da lista. Tornou-se um verdadeiro ícone do social. A Lili é um caso único, uma vez que na altura - há 30 anos - ela estava em todo o lado, era casada com um homem rico e dava-se ao luxo de viajar por todo o mundo".
 
(...)
 
 
Fama e obra
Por Ana Paula Lemos
Ilustrações de José Moreira
 
 
máxima - A revista feminina que lhe diz muito mais
 
publicado por raio às 12:54

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 6 de Julho de 2007

Upa! Upa!...

Cuidado c’o Cão!!!...
 
Já João Trovão está deitado e disposto para dormir, quando Maria Trovão se vai deitar e enquanto se despe, arruma a roupa e prepara o vestuário que vai usar no dia seguinte, aproveita para contar mais uma fofoca:
- Lembras-te de eu ter falado numa colega que andou a fazer um peditório para conseguir pagar a prestação da máquina de lavar?
João entreabre os olhos e lança um suspiro em jeito de pergunta:
- HumMm?
- Então não te lembras? ... até te disse que quem lhe emprestou o dinheiro ... provavelmente já não o vai ver?
- HuMm!... HuMm!
- Pois bem, essa colega, hoje apareceu com um carrão novinho em folha ... bem!.... gostava que visses ... a surpresa foi tanta, que toda a gente quando a viu chegar, gritou em coro ... Upa!... Upa! ... Cuidado com o cão!!...
João despertou definitivamente e retorquiu:
- Sabes o que é que isso me faz lembrar?
- Quê? A quantidade de caloteiros que anda por aí?
- Também! ... Mas principalmente ... faz-me lembrar o surpreendente que é ver nos Socrates.jpgestudos de opinião, nas sondagens, nas estatísticas e semelhantes que vão sendo publicados, os altos níveis de popularidade do Primeiro-Ministro, José Sócrates, mesmo depois de ter colocado as finanças das famílias portuguesas à beira da ruptura, depois dos níveis de desemprego terem atingido números nunca dantes atingidos, depois dos impostos terem subido, quando ele tinha prometido que não o faria ... depois das confusões em que se tem metido ... a surpresa é tanta, mas tanta ... que à semelhança do que aconteceu lá no teu escritório ... a população portuguesa bem poderia gritar em coro ... Upa!... Upa! ...Cuidado com o Cão!!...
 
 
publicado por raio às 08:30

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 5 de Julho de 2007

É Preciso Não Esquecer!

... a doença do esquecimento
 
Com o aumento médio da esperança de vida, várias são as doenças cuja taxa de incidência tem evoluido para niveis alarmantes e nunca atingidos, entre elas está a doença de Alzheimer.
 
Para me inteirar dos diversos aspectos relativos a esta doença acedi ao site da APFADA - Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer, disponível em http://www.alzheimerportugal.org, aí pode-se encontrar informação diversificada sobre a Associação e sobre a doença, destaco o quadro onde são dadas respostas a um conjunto de dúvidas mais frequentes:
 
 
Doença de Alzheimer
 
- O que é a doença de Alzheimer?
 
- Qual a causa da doença de Alzheimer? 
 
- Quais os sintomas? -
 
- Como é feito o diagnóstico?
 
- Como é feito o tratamento?
 
- O que pode ajudar?
 
- Como a doença afecta os familiares?
 
- Informação
 
- Estudos
 
- Eu tenho Demência
 
 
Pela sua importância e utilidade, passo a reproduzir o texto que está no link “Eu Tenho Demência”
 
 
Eu tenho Demência
 
Se lhe foi diagnosticada doença de Alzheimer, demência vascular ou outro tipo de demência (ou a alguém que lhe seja próximo) então esta área do site, é para si.
 
Se, nos últimos tempos, tem tido problemas de memória, tem vindo a notar dificuldades em executar algumas tarefas diárias, visite, por favor, o seu médico de família. Podem haver outras razões, que não, propriamente, a demência, para os seus problemas e o médico, melhor que ninguém, o pode verificar.
 
Quando a alguém é diagnosticada a doença de Alzheimer, demência vascular ou qualquer outro tipo de demência, a situação pode constituir um verdadeiro choque, mesmo sabendo que algo já não estava a correr muito bem.
 
As mudanças causadas pela doença irão afectar, gradualmente, a sua vida. No entanto, é importante saber que não é o único nessa situação.
 
Seja positivo e concentre-se naquilo que consegue fazer e não naquilo que se tenha tornado demasiado difícil de realizar. Se, por qualquer motivo, ficar frustrado, culpe a Doença em vez de se culpar a si próprio.
 
Há muitas pessoas e entidades que o podem ajudar:
 
- Família e amigos
- Médicos
- Assistentes Sociais
- Psicólogos
- Terapeutas
- Voluntários
- Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer
 
 
A importância de um diagnóstico precoce
 
A vida depois do diagnóstico
 
Fonte:
Alzheimer’s Disease International
 
 
 APFADA
Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer
 
 
A divulgação desta instituição não me impede de estranhar o preçário das consultas de psiquiatria divulgadas no mesmo site em http://www.alzheimerportugal.org/clientSite/defaultArticleViewOne.asp?articleID=1116&categoryID=178&meID=178
 
publicado por raio às 08:40

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 4 de Julho de 2007

Afinal “Olivença é Portuguesa!”

... É uma Causa ... Histórica ... ou ... Histérica?
 
 
Falavam João Trovão e Maria Relâmpago sobre associações, instituições e afins ... umas que se dizem “sem fins lucrativos”, outras que se dizem de solidariedade ou de apoio social ou outro, outras que fazem os seus sócios pagar cotas de valor astronómicos ou prestam serviços muito bem pagos, que por um lado defendem a solidariedade e que insistem em solicitar a ajuda voluntária da comunidade, referindo que não têm fundos ... mas na prática o que se vê é os seus dirigentes a mostrar de dia para dia, mais e mais, sinais exteriores de riqueza ... outras em que não se percebe muito bem o que defendem e quais são as suas reais causas e objectivos ... quando Maria Relâmpago se lembrou de referir:
- Olha!... É como aquela coisa dos amigos de Olivença!...
- Ah! O GAO ... o Grupo dos Amigos de Olivença?
- Sim esses! ... Dizem-se amigos de Olivença, mas cá para mim eliminaram “live” do nome da terra e o que eles são é “amigos da onça”!
- Porque é que dizes isso? ... Então eles só pretendem que Olivença volte a ficar sob administração portuguesa ... segundo os argumentos que apresentam dizem que é uma causa histórica ...
Maria Relâmpago rebate o pensamento de João Trovão e conclui:
- Histórica? ... Com o burburinho que essa gente faz, mais parece uma causa histérica! ... E ...estará esse auto-denominado grupo dos amigos de Olivença ... ao que parece, constituído por “intelectuais” ou pseudo-intelectuais, preocupados com o bem-estar dos habitantes dessa cidade? ... e estarão esses interessados em ficar sob alçada de um país que certamente não lhes garantirá acesso ao ensino, à saúde e à segurança? E que lhes garantiria, ordenados menores e impostos maiores? ... Deixemos mas é os oliventinos em paz e lamentemos isso sim, o facto de todo o país não estar sob domínio espanhol, isto obviamente, em termos políticos ... porque em termos económicos esse domínio já se faz sentir ...
 
 
publicado por raio às 08:09

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 3 de Julho de 2007

Chás de Ervas ...

... e outras Mezinhas
 
Mal uma pessoa diz que está com uma indisposição, que está doente ou que se sente doente, o mais certo é ouvir alguém dizer que sabe de um chá ou de uma mezinha à base de plantas capaz de resolver o problema.
 
As grandes superfícies comerciais já não dispensam uma secção de chás. Esse saber milenar, transmitido de pais para filhos, chegam mesmo a ser temas de artigos na comunicação social onde os seus efeitos benéficos são sublinhados ao pormenor com apresentação, inclusivamene de provas cientificamente elaboradas.
 
Num pequeno livro editado em 1989 pelas Selecções do Reader’s Digest com o título “Segredos Culinários das Ervas Aromáticas” com texto de Kenneth A. Beckett e Tom Stobart e ilustrações de Elsie Wrigley pode ler-se na sua nota introdutória:
 
 
(...)
Há testemunho de que as ervas já eram utilizadas na Grécia Antiga, onde eram conhecidas pelas propriedades aromáticas e constituíam a base do tratamento de numerosas doenças. Hipócrates, célebre médico grego, descreveu algumas centenas de medicamentos à base dessas plantas, cuja utilização se manteve ao longo de muitos séculos. (...)
(...)
As propriedades medicinais das ervas eram, porém, as mais enaltecidas. Em 1597, Jonh Gerard, herbanário e boticário, publicou um volumosos tratado, que pesava 5 Kg e continha 1000 páginas, com a descrição ilustrada em xilogravura de cerca de 3000 plantas. As mezinhas à base de ervas continuaram a ser objecto de estudo dos físico até ao século XVIII, e ainda hoje, para a preparação de grande parte das drogas, recorre-se às fontes da Natureza. A morfina é obtida da papoila; a digitalina, estimulante cardíaco, da dedaleira; a colquina, usada no tratamento de certas formas de reumatismo, é obtida do cólquico (Colchicum).
(...)
 
 
 
Não quero que a publicação deste artigo seja visto como um atestado de incompetência à medicina dita convencional e uma promoção das medicinas ditas alternativas, até porque creio que para o bem do doente, os profissionais de uma e outra deveriam conhecer as qualidades e defeitos de ambas.
 
Recorrendo à Internet na busca de artigos que focassem a temática da medicina tradicional, encontrei muitos sites onde soluções verdadeiramente milagreiras são apontadas.
 
Um dos sites que apresenta informação sobre o tema é o “Folclore de Portugal” - Portal do Folclore Português, que possui no espaço dedicado à Medicina Popular em http://www.folclore-online.com/medicina/menu.html aí pode ler-se no artigo “Doenças e Ervas Medicinais” disponível em http://www.folclore-online.com/medicina/doencas_ervas/doen_ervas.html e do qual transcrevo um extracto.
 
 
Doenças e ervas medicinais
 
"Todas as plantas têm princípios activos, capazes de interferir a nível biológico se ingeridos pelo organismo humano. Destiladas, a maioria das plantas produz essências, álcool e gases combustíveis. Associadas a estas substâncias estão outras que, pela sua concentração, dão propriedades específicas às plantas, como é, por exemplo, o caso das papoilas que produzem o ópio.
 
Existem vários trabalhos dedicados à flora transmontana; como exemplo, em 1984, Berta Nunes, Ana Paula Oliveira e Margarida Cunha Ferreira publicaram um opúsculo intitulado Plantas Medicinais de Barroso, que está longe de abarcar a totalidade da flora medicinal. Trata-se de um começo, mas sabemos que de muitas plantas nem se suspeita sequer o poder medicinal, porque não foram testadas nem pelo povo nem pela ciência, que se esqueceu, por exemplo, que as poutegas são boas para acudir à fome de Maio.
 
Não é nosso propósito reproduzir aqui tal trabalho. Relataremos, isso sim, algumas das moléstias identificadas pela medicina popular e indicaremos o prognóstico e tratamento.
 
Anemia (identifica-se por uma espécie de fraqueza física) - aliviam-na os bolos de milho untados com azeite. Também um litro de vinho com gemas de ovo e açúcar.
 
(...)
Asma (identifica-se por uma tosse intensa, rouca e frequente) - alivia-se fumando figueiras-de-inferno.
 
Bexigas (existem várias afecções da bexiga) - as melhores terapias que se conhecem é evitar as bebidas alcoólicas e beber abundantemente a água pura de Barroso. Também as ervas como a salsa, o morangueiro, as barbas de milho, a carqueja ou qualquer chá de folha de lenhosas parece acalmar os males da bexiga.
 
 
Bichas - esfregar as fontes da cabeça com alho, tomar diversos chás (absinto, hortelã, etc.) e fazer uma dieta apropriada à base de azeite e alimentos cozidos.
 
Bronquite (inflamação dos brônquios) - como para a asma, fumar figueiras-de-inferno ou então defumar-se com eucalipto ou loureiro. Alguns chás (como o de eucalipto) são aconselháveis.
 
Calvície - se se trata da queda do cabelo numa zona específica (peladas), ferver folhas de nogueira e lavar a cabeça com a água. Também se diz que o tabaco macerado pelo menos oito dias tem um resultado idêntico.
 
(...)
Catarro (tosse e dores nas vias respiratórias) - ferver vinho com açúcar ou com mel e bebê-lo. Sopa de frango e legumes onde se cozeu muita cebola.
 
Constipação e rouquidão - sopa de frango e muita cebola. Vinho quente com açúcar ou mel.
 
Coqueluche - xarope de folhas de figueira-de-inferno, de flor-de-sargaço, pinhas-bravas ou agriões.
 
Diabetes (insuficiência de insulina) - dar açúcar aquando das crises. Tomar onze dias chá feito de dois ramos de alecrim, raiz de salsa, cominhos, raiz de madessilva, cinco pontas de pinheiro e cinco folhas de salva fervido cinco minutos em meio litro de água e adoçado com uma colher de açúcar.
 
Diarreia - comer farelo. A aguardente com açúcar também é utilizada, assim como o trigo seco, o centeio, chá de marmeleiro e a água de pevides da cabaça.
 
Dores de dentes - para a dor de dentes o melhor remédio é o óleo de cravo-da-índia (ou o cravo esmagado). O álcool (aguardente) e o fumo de cigarro também são recomendados. Contudo, o remédio mais eficaz é lavar a raiz do dente que dói na pia da água benta da igreja.
 
(...)
Febre - banhos de água fria. Esfregar o doente com urtigas.
 
(...)
Fígado - evitar as bebidas alcoólicas e beber apenas água pura de Barroso, O chá de marroios e da erva de S. Silvestre também é aconselhável.
 
(...)
Gota — a gota manifesta-se geralmente pelo inchar dos pés e uma dor aguda impedindo a marcha. Também podem existir dores nas outras articulações. Cura-se com uma dieta sem gorduras e sem bebidas alcoólicas. Por outro lado, pôr a zona atingida (geralmente os pés) em água salgada ou ferver folhas de nogueira e meter os pés nessa água à temperatura mais elevada que se puder aguentar. Dormir com os pés mais altos que o corpo.
 
(...)
Gripe — sopa de frango com muita cebola. Tomar também uma bebida alcoólica quente com açúcar ou mel. O mel, o alecrim, o vinho e a banha de porco fervidos também parecem ser um bom remédio.
 
(...)
Infecções — esfregar com uma bebida alcoólica. A raiz de urtiga, as folhas de nogueira, as malvas e a erva-de-sete-sangrias também atalham as infecções.
 
(...)
Intestinos — água pura de Barroso, aguardente, nozes e pão. O farelo e a farinha parecem ser eficazes na regulação dos intestinos, assim como os legumes. Os chás de arruda, salva, caroço de marmelo ou artemísia também são indicados.
 
(...)
Órgãos genitais femininos — trata-se sobretudo dos corrimentos, que param lavando com água de malvas.
 
Pedras nos rins — água pura de Barroso. Banhos de cozimento de chapotos de flor branca.
 
Peito apertado (dores fortes aquando da inspiração) — chá de duas folhas de eucalipto, hortelã-pimenta, raiz de alho, casca de cedro, raiz de carqueja e grão de erva-doce. Ferver cinco minutos em meio litro de água, adoçar com duas colheres de açúcar e tomar sete dias.
 
(...)
Rins — água pura de Barroso. Chá de erva de S. Roberto.
 
(...)
Sarna (é devida a um ácaro que cava galerias na pele para aí depositar os ovos; manifesta-se por erupções e coceira) — esfrega-se a pele abundantemente com uma bebida alcoólica. A água onde se ferveu flor de carqueja também resulta, assim como banha de cobra.
 
Tensão (alta e baixa) — substâncias contidas no pão de centeio regulam a tensão. O chá de oliveira parece também ser um regulador natural.
 
(...)
Tosse — chá de folhas de castanheiro ou de laranjeira. Também se costumam defumar as pessoas com estas duas plantas. Um remédio eficaz é ameaçar alguém de se lhe tirar a tosse (Gralhas).
 
(...)
Tuberculose (identifica-se por uma tosse rouca e fraqueza geral) - cura-se à base de murta, mel, açúcar e ovos. O que é preciso é fabricar uma bebida bem quente que alimente o como e ao mesmo tempo arrebente com os micróbios."
 
 
(Fonte: Medicina Popular - Ensaio de Antropologia Médica, de António Fontes e João Gomes Sanches, Âncora Editora, Colecção "Raízes", Março de 1999 - p.62 a 64) 
 
 
 
No mesmo site podemos aceder ao artigo “A “Saúde” das Ervas” publicado em http://folclore-online.com/medicina/saude_ervas.html
 
 
  
A "saúde" das ervas
 
"Durante milhares de anos, o homem guiado pelo mesmo instinto que hoje leva outros animais a se purgarem com certas ervas escolhidas, ele seleccionava na natureza os vegetais para a cura dos seus males. E, ao organizar-se em comunidades começa a transmitir às gerações futuros o “fruto do saber” — os celtas, nossos remotos antepassados, conheciam perfeitamente as propriedades das Fontes termais e são imitados pelos legionários romanos; os chineses e os egípcios ensinaram as propriedades do ópio, da romã, do ruibarbo; os gregos e os romanos definiram a utilização das sementes de rícino, da beladona ou da misteriosa mandrágora; os gauleses trouxeram o conhecimento do visco-branco da verbena, da centaurea, da milfurada, do meimendro e da salva.
 
Entre fitoterapeutas, clérigos e alquimistas foi-se então desenvolvendo o estudo das plantas medicinais e, passados assim os séculos chegamos agora ao que se convencionou chamar a época moderna — com o fim do reino dos “remédios naturais”.
 
Contudo, novas correntes científicas e de forma de vida, uma espécie de regresso às origens e à natureza, configura-se entre a actual classe médica, botânica, farmacêutica ou ambientalista que prima pela valorização do melhor de cada sistema medicinal, tendo em atenção os perigos de qualquer um dos métodos. Que assim seja. "
 
 
 
 com o Artigo com o Título “Síntese de Usos Medicinais” ...
 
   
 
Síntese de usos medicinais
 
Alecrim - Auxiliar da memória; para estados depressivos; estimula a circulação sanguínea; ajuda a fazer a digestão das gorduras (folhas); problemas de fígado.
 
Agrião - Para a tosse e bronquite; contra as anemias por carência de ferro.
 
Arando (ou uva-do-monte) - Para o colesterol e triglicéridos.
 
Alfazema - Alivia as dores de cabeça e acalma os nervos (flor); anti-séptico contra o acne (flor); tranquilizante.
 
Arruda - Lavagem do estômago; fortalecimento da visão; para lavar os olhos cansados (folha); antídoto contra certas mordidelas de cobras.
 
Borragem - Em dietas sem sal (folha); para o catarro e gripes; tranquilizante; depurativa e refrescante.  
 
Erva-cidreira - Alivia o catarro provocado pela bronquite crónica; as constipações febris e as dores de cabeça (folha).
 
Erva de São Roberto - Para doenças do estômago.
 
Carqueja - Facilita a digestão e estimula a secreção da bílis; acção antibiótica; infecção da bexiga; pedra nos rins; para a arteriosclerose: hipertensão arterial; sinusite, bronquite, anginas e tosse.
 
Funcho - Estimulante do apetite; auxiliar da digestão; desinflamar as pálpebras e melhorar a visão; suavizar o hálito (sementes).
Nota: não usar em doses excessivas
 
Hipericão - Para atenuar os sintomas da menopausa; queimaduras menores do sol (óleo); para libertar a tensão.
 
Hortelãs - Prevenções de constipações e gripes; inflamações da garganta; tranquilizante; ajuda a digestão; para as lombrigas
 
Louro - Para enjoos e irritações nervosas, para abortar; para bronquites; ajuda a fazer a digestão e estimula o apetite (folha).
Nota: todos os loureiros, excepto o loureiro­vulgar, são venenosos
 
Malva - Actua como laxante não agressivo; combate muitos problemas inflamatórios; usada para emagrecimentos.
 
Morangueiro-bravo - Para os nervos e contra a diarreia (folha) .
Em decocção, é um adstringente suave (fruto).
Nota:podem provocar reacções alérgicas
 
Néveda - "dor de barriga das mulheres”; dores “tortas” após o parto; dores do reumatismo.
 
Oregãos - Combatem a tosse, as dores de cabeça nervosas e a irritabilidade (extremidade florida).
 
Pilriteiro - Estimula a circulação.
 
Poejo - Eliminar vermes intestinais; facilita a digestão; tranquilizante para distúrbios menstruais.
Nota: é tóxica quando usada em grande quantidade.
 
Sabugueiro - Prevenção de gripes (flores); frieiras, mãos e pés frios (pomada de folhas de sabugueiro); desconforto das ressacas (flores).
 
Salva - Ajuda a digestão, a combater a diarreia (folha); gargarejos para as anginas.
Nota:não deve ser tomado em grandes doses por períodos muito longos
 
Salsa - Prevenção de perturbações renais; dores de torceduras; mau hálito; picadas de insectos.
 
Segurelha - Auxiliar da digestão.
 
Tanchagem - Para tratamento de furúnculos; problemas respiratórios (tosse, bronquite e catarros)
 
Tomilhos - Tónico digestivo; combate os incómodos das “ressacas”; constipações ou gargantas inflamadas (folha); ferimentos ligeiros; queda de cabelo.
 
Urtiga - Sangramento do nariz; purificação do organismo; anti-raquítica e anti-anémica.
 
Zimbro - Para tratamentos de eczemas, dermatoses, psoríase e outras doenças da pele; parasiticida externo (óleo de caule).
 
 
(Fonte: Etnobotânica - Plantas Bravias, Comestíveis, Condimentares e Medicinais, de José Alves Ribeiro, António Manuel Monteiro e Maria de Lurdes Fonseca da Silva, João Azevedo Editor, 2000)  
 
 
 
 ... e com o artigo com o título “Índice Terapêutico” disponível em http://folclore-online.com/medicina/saude_ervas3.html
 
 
Índice terapêutico
 
Aftas: malva, saálvia
Aleitamento: hortelã
Amigdalite: malva, sálvia, tanchagem
Anemias: agrião
Apetite: alecrim
Arteriosclerose: carqueja
Asma: agrião, carqueja, sálvia, alfazema
Azia: carqueja
Bronquite: agrião, alecrim, tanchagem
Cálculos biliares: hortelã
Cálculos renais: carqueja
Calmante: erva-cidreira, hortelã
Ciática: arruda
Cicatrizante: alecrim
Circulação: alecrim
Cólicas menstruais: alecrim, arruda, poejo, sálvia
Depressão: alecrim, alfazema
Depurativo: carqueja, tanchagem
Diabetes: agrião, alecrim, carqueja, malva
Diarreia: sálvia, carqueja
Digestivo: agrião, alecrim, alfazema, arruda, carqueja, erva-cidreira, hortelã, poejo
Diurético: malva
Emagrecimento: malva
Enxaqueca: alfazema, arruda, hortelã, erva-cidreira
Expectorante: agrião, malva, sálvia
Faringite: sálvia, arruda
Feridas: sálvia, arruda
Fígado: carqueja, erva-cidreira, malva
Flatulência: hortelã, poejo, sálvia, alfazema, arruda, erva-cidreira
Furúnculo: malva, tanchagem
Frieiras: sabugueiro
Garganta: malva, sálvia
Gengivite: malva, sálvia
Gota: arruda, alfazema, carqueja
Hemorróidas: arruda, tanchagem
Hepatite: agrião, alecrim, carqueja
Icterícia: hortelã, poejo
Laxante: carqueja
Menstruação (ausência): agrião, alecrim, arruda, erva-cidreira, poejo, sálvia
Micoses: arruda
Náuseas: arruda
Obesidade: carqueja, malva
Piolhos: arruda, poejo
Pressão alta: alecrim, carqueja
Prisão de ventre: erva-cidreira, hortelã, malva, mancoliais, tanchagem
Queda de cabelo: alecrim, alfazema
Queimaduras: tanchagem
Regulador das menstruações: poejo
Reumatismo: alfazema, carqueja, poejo, sálvia
Sistema nervoso: erva-cidreira
Tosse: agrjões, alfazema, malva, oregãos, poejo, sálvia, tanchagem
Ulceras: alecrim, sálvia
Varizes: pilriteiro, tanchagem
Vias urinárias: carqueja
Vómitos: arruda, erva-cidreira, hortelã 
 
 
(Fonte: Etnobotânica - Plantas Bravias, Comestíveis, Condimentares e Medicinais, de José Alves Ribeiro, António Manuel Monteiro e Maria de Lurdes Fonseca da Silva, João Azevedo Editor, 2000)  
 
 
 
 
 
Folclore de Portugal
Portal do Folclore Português
 
 
 
 
Todas as soluções terapêuticas que se encontram descritas neste artigo, bem assim como todas as que se encontram disponíveis na web, por exemplo em http://www.opatrimonio.org/pne/patrimonio.htm, em http://www.3fitness.com/2nutricao/segredoschas.htm, em http://www.instituto-camoes.pt/clp/folhaemflor.htm e outras, deverão ser cruzadas com outras fontes por exemplo livros da especialidade e ervanárias.
 
 
 
 
 
 
 
publicado por raio às 08:14

link do post | comentar | ver comentários (17) | favorito
|
Segunda-feira, 2 de Julho de 2007

Proprietários punidos por não cultivar as suas terras? ...

Só pode ser coisa de ...
quem nem sequer coloca água nas flores que tem na varanda!
 
 
Maria Relâmpago e João Trovão vão ao hipermercado comprar fruta e legumes quando Maria se lembra de algo que ouviu:
- Um dia destes ouvi que o actual governo quer instituir uma coima para quem não tem as suas terras cultivadas ...
- Quê? Um Imposto disfarçado de multa? ... Uma forma de se arranjar mais uns trocos para o mealheiro de Sócrates ... Ou será ... uma ideia de um qualquer idiota que nem sequer sabe cuidar das plantas que tem na varanda ou no jardim?
- Acho que o Ministro que apresentou essa medida ... disse que é para combater as zonas rurais!...
- Belo!... Quer dizer ... num país onde já se puniram produtores por estes excederem as quotas de produção no âmbito da PAC - Política Agrícola Comum ... num país onde já se subsidiaram produtores para estes não produzirem, precisamente para que as quotas não fossem ultrapassadas ... num país em que a vontade política levou a que se houvesse um incremento, artificial do sector terciário e um abandono do sector primário e secundário, em nome da modernização ... e que é o mesmo país que promove o abandono das zonas rurais aos fechar unidades de saúde e escolas ... tem agora os responsáveis pelo facto de tudo isso ter acontecido a dizer que pretende punir quem fugir de onde não há qualidade de vida ...
Enquanto vão vendo os preços e a origem dos produtos agrícolas expostos naquela superfície comercial, Maria, interpela João:
- Então mas achas bem que os campos fiquem abandonados e cheios de mato?
- Claro que não acho!... Mas sei que cultivar as terras de um modo rentável, não está ao dispor de qualquer um ... há produtos cujo custo de produção é superior aquele que têm os produtos de origem estrangeira que nós vemos aqui nestas prateleiras ... e como tal, não têm escoamento e os produtores optam por deixá-los apodrecer nos terrenos.
- Essa explicação despertou-me para uma realidade!... se as pequenas propriedades são aquelas onde os custos de produção são mais elevados ... será esta uma medida uma espécie de “Reforma Agrária” invertida? ... uma forma de os grandes empresários agrícolas tomarem conta das propriedades dos proprietários?...
 
publicado por raio às 09:35

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

@Autores

@pesquisar

 

@Taxa de Câmbio

CONVERSOR DE MOEDAS

instale no seu site [ gratuitamente ]

@Queres colaborar neste blogue?

@ Yes!... Quero colaborar neste blogue!!

@Selo do Blogue

@Cont@cto

A área de Comentários deste Blogue está aberta para permitir o direito de resposta às entidades visadas e para que todos possam dar a sua opinião sobre os temas abordados e artigos aqui publicados, todavia:
 
@ Se encontrou algum erro nos artigos publicados;
 
@ Se tem algum artigo que gostasse de ver publicado neste blogue;
 
@ Se tem ideias ou tópicos relativos a algum tema que aqui queira ver desenvolvido;
 
@ Se desejar deixar uma critica ou uma sugestão ou se simplesmente desejar entrar em contacto com o autor do Blogue Trovoada Seca;
 
Pode enviar a sua mensagem para o e-mail: trovoada.seca@gmail.com
 
(Todas as mensagens com publicidade duvidosa ou a noticiar que eu ganhei uma lotaria internacional serão imediatamente reportadas como SPAM)

@posts recentes

@ Formações de Reiki e Karu...

@ Sábado às 15:30h

@ O LIVRO...

@ Lançado o Livro "Partilha...

@ Cursos em dezembro...

@ Karuna...

@ Diagnóstico...

@ Actividades de Outubro [d...

@ ...

@ Cultura ...

@ Inês apela à solidariedad...

@ Maio de Norte a Sul...

@ Agenda de Maio em Resumo

@ ...em MAIO...

@ KARUNA, um desenvolviment...

@ Local Oficial do Projecto

@ Este mês: Reiki & Karuna

@ Actividades no FUNCHAL

@ O Reiki explicado em Víde...

@ Últimas actividades de Fe...

@ em Fevereiro

@ Curso de Iniciação ao Rei...

@ Afinal qual é a maior sem...

@ Resultados Eleitorais

@ Reiki uma História...

@ Novidades...

@ Actividades de Setembro

@ Sacanas Sem Lei

@ Reiki: Exemplo de uma ses...

@ Curso Nível III

@ WorkShop de Reiki

@ Actividades para Junho

@ "URGENTE - MENINO RAPTADO...

@ Actividades da Primeira Q...

@ Europeias

@ Para ti o que é mais impo...

@ A Grande Relação …

@ Encontro/Convívio Reikian...

@ Última Hora - Importante ...

@ Actividades de Maio

@ Vendo Carro – Óptimo Preç...

@ Curso de Iniciação ou Nív...

@ Beira Interior

@ O Verdadeiro Significado ...

@ Iniciação ou Nível I

@ Iniciação ou Nível I

@ Cursos de Iniciação em Fe...

@ Subsidiar o Arrendamento ...

@ PROCURA-SE [Adolescente D...

@ Reiki... no Baixo Alentej...

@Blogs

@ A
AFSP Notícias
Alma Roubada
Amizades e Flores
A Padeira de Aljubarrota
Arco-Íris da Vida
Arte e Magia no PSP
Asas Para Voar
As Minhas Imagens
As Palavras e o Mundo
A Sul
Astro-Reiki [Reiki & Astrologia]
A Ver Navios


@ B
Blogadinha dos Virtuais
Blog da Rosamar
Blog Oficial do Blogs Sapo
Blog da Rosamaria
Blog do Rums
Blog Oval

@ C
Cansei
Cantinho da Rosa
Carlinha Pink
Carne Azeda
Casa do Consultor
Cinda Moledo
Clouberry
Colcha de Retalhos
Columbófilia
Cópia Perfeita
Coração Solidário
Critica na Rede
Crónicas de Uma Mãe Atrapalhada
Cuidem de Nossos Animais

Curtas Metragens


@ D
DaPlanície
Dark Angel
Desculpe Qualquer Coisinha
Docas nas Asas do Desejo
Do Miradouro

@ E
Educação em Portugal | Metas e Medidas
Eimar Suely
Elástico da Cueca
Emolicious
Escavar em Ruínas
Estórias da Minha Terra
Estou Estupefacta
Estrela do Céu
Eu & Eu Neusa Beatriz
Extras by Kika

@ F
Fascínio, Arte e Beleza nos Automóveis e na Mulher
Ferreirinha
Florbytes
Fora de Jogo
Fotografia de João Palmela

@ G
Genny
Geração Rasca
Gifs da Kaká

@ H
How you Doing?

@ I
Ideologia e Biologia
Insomnia

@ J
Jesus Minha Rocha
@ K
Kruzes Kanhoto

@ L
Loirinha
Lol Tuga
Lua Blog
Lugar ao Som
Luz do Desejo

@ M
MAPUFT
Maripossa
Memórias Secretas
Mitos, Modas, Clichés
Moranguitoooos
Mundo Animal
Mundo Animal
My Litle Space

@ N
@ O
O Cantinho da Estrela
O Cantinho da TiBéu
O Cantinho dos Miudos
O Incrível Diário da Carochinha
Olha_por_Mim
O Muro das Lamentações
O Outro Lado
Opinião em Duplo
Oportunity
Os Bigodes do Gato
O Sino da Aldeia
O Sítio da Bola de Cristal

@ P
Paixões e Encantos
Paz Original
Penso, Logo Existo ...
Poesia de Augusto P. Gil

@ R
Reflexões de Um Louco
Rir até Cair
Rita Moranguita
Rosamar's Space

@ S
Salvo-Conduto
Sandrita Dinis
Saobanza
Seduções
(Sem Nome)
SigaCafe
Simbioses
Sisters&Friends
Sofia Sama
Sorriso Alegre
Só Tenho Coisas que me Ralem

@ T
Tintas e Pincéis
Tiraram-me o Gato
Tou Aqui 42
Túlipa Branca

@ U
Última Flor do Lácio
Uma Vida ...

@ V
Vaga Aberta
Vampira Encantada
Velhinho Prega Secas
Verde Água
Vila Forte
Virginiana
Vitor Valente

@ W
Women Blog

@tags

@ sexo(47)

@ trovoada seca(46)

@ portugal(45)

@ reiki(42)

@ divulgação(39)

@ albufeira(37)

@ política(33)

@ sociedade(32)

@ saúde(30)

@ amor(29)

@ homem(29)

@ mulher(29)

@ eu(26)

@ vida(26)

@ algarve(23)

@ actualidade(22)

@ blogs(22)

@ ensino(20)

@ políticos(20)

@ bloggers(19)

@ destaque(19)

@ divulgação de blogues(18)

@ divulgador(18)

@ índice de blogues(18)

@ registo de blogue(18)

@ top(18)

@ karuna(17)

@ nível 1(17)

@ formação(16)

@ curso de reiki(15)

@ justiça(15)

@ mestre(14)

@ beja(13)

@ bem-estar(13)

@ futebol(13)

@ meditação(13)

@ pensamento(13)

@ lisboa(12)

@ curso(11)

@ amigos(10)

@ blog(10)

@ iniciação(10)

@ japão(10)

@ universo(10)

@ 2008(9)

@ energia(9)

@ estradas(9)

@ governo(9)

@ terapeuta(9)

@ 2009(8)

@ aprendizagem(8)

@ conselhos úteis(8)

@ eleições(8)

@ trânsito(8)

@ advogados(7)

@ alentejo(7)

@ blogue(7)

@ faro(7)

@ fevereiro(7)

@ religião(7)

@ vídeo(7)

@ atletas(6)

@ brasil(6)

@ crianças(6)

@ desporto(6)

@ notícias(6)

@ noticias(6)

@ portimão(6)

@ porto(6)

@ professores(6)

@ psd(6)

@ sapo(6)

@ silves(6)

@ tibete(6)

@ (5)

@ actividades(5)

@ ajuda(5)

@ almansil(5)

@ apr(5)

@ assaltos(5)

@ benfica(5)

@ blogues(5)

@ boliqueime(5)

@ compaixão(5)

@ curso de karuna(5)

@ hospitais(5)

@ informação(5)

@ iniciação ao karuna(5)

@ josé sócrates(5)

@ madeira(5)

@ nível 2(5)

@ noticia(5)

@ obras na via(5)

@ odemira(5)

@ partilha(5)

@ pequim 2008(5)

@ prisões(5)

@ reiki em albufeira(5)

@ televisão(5)

@ alunos(4)

@ todas as tags

@Sites

@ Astronomia
Astronomia na Web
Mapa do Céu

@ Agricultura e Pescas
MADRP - Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas

@ Bebés
Guia do Bebé

@ Bebidas
APCV - Associação Portuguesa dos Produtores de Cerveja

@ Bicicletas
69ª Volta a Portugal em Bicicleta/EDP -2007
SuperCiclismo Online

@ Biografias
Biografias
“O Leme” - Biografias

@ Bombeiros e Protecção Civil
ANPC - Autoridade Nacional de Protecção Civil

@ Câmeras On-line
Porto do Funchal - Webcam

@ Casas Pré-Fabricadas
FabPrefab - Portal da construção pré-fabricada
IberMódulo - Aluguer de Módulos e Equipamentos, Lda.

@ Cinema
Citi - Cinema
Expresso - Cartaz de Cinema
PT Gate - Cinema
Público - Cartaz de Cinema

@ Comunicação Social
A Bola On-line
Agência Lusa
Agência Lusa - Brasil
BBC News
Correio da Manhã
Destak
Diário Digital
DN - Diário de Notícias
Islam em Linha - Revista Virtual
JN - Jornal de Notícias
Máxima - Revista Feminina
Portugal Diário
Público
Semanário Sol
Zero Hora - Diário Brasileiro

RTP - RádioTelevisão Portuguesa
SIC
TVI


@ Consumidores
DECO - Associação de Defesa do Consumidor
Portal dos Consumidores - Instituto do Consumidor

@ Crianças
IAC - Instituto de Apoio à Criança
POL - Psicopedagogia On-Line - Educação e Saúde Mental

@ Defesa dos Direitos dos Animais
ANIMAL - Associação Nortenha de Intervenção no Mundo Animal

@ Design
AND - Associação Nacional de Designers
DPO - Dicionário Publicitário Online
Logo Design History - Logoorange (História de Símbolos e Logotipos)

@ Desporto Olímpico
Comité Olímpico de Portugal
Quadro de Medalhas
Jogos Olímpicos - Pequim 2008 (Site Oficial)

@ Diversos
Adiaspora.com
NetDisaster.com
Associação Cívica Vidas Alternativas

@ Ensino
ME - Ministério da Educação de Portugal

Universidade Bucks New University
UFC - Universidade Federal do Ceará

@ Estatísticas e Sondagens
INE - Instituto Nacional de Estatística
Marktest

@ Eventos
Agenda Lx

@ Federações, Confederações e Colectividades
CDP - Confederação do Desporto de Portugal
FPC - Federação Portuguesa de Columbofilia
FPDD - Federação Portuguesa de Desporto para Deficientes

@ Heráldica
Home Page do Físico

@ Impostos
Direcção-Geral dos Impostos
Declarações Electrónicas

@ Instituições Internacionais
CE - Comissão Europeia
CPLP - Comunidade dos Países e Lígua Portuguesa
UE - União Europeia

@ Justiça
MJ - Ministério da Justiça de Portugal

@ Juventude
Portal da Juventude

@ Literatura
Projecto Vercial - Base de Dados sobre Literatura Portuguesa

@ Magia
Associação Portuguesa de Ilusionismo

@ Mapas
Mapa de Portugal

@ Matemática
Matemática Divertida

@ Meteorologia
Instituto de Meteorologia
MeteoPT - Fórum de Meteorologia

@ Municípios
Câmara Municipal de Belmonte
Câmara Municipal de Lisboa

@ Música
Cifras.Com.Br

@ Pintura
WebArt

@ Política

Portal da Presidência da República Federativa do Brasil

Portal da Presidência da República Portuguesa

Portal do Governo Brasileiro

Secretaria de Imprensa - Presidência da República Federativa do Brasil

BE - Bloco de Esquerda
CDS-PP - Partido Popular
CNE - Comissão Nacional de Eleições
PCP - Partido Comunista Português
PCTP-MRPP - Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses
PEV - Partido Ecologista "Os Verdes"
PNR - Partido Nacional Renovador
Portal do Governo
PPD-PSD - Partido Social Democrata
PS - Partido Socialista

@ Religião
Agência Ecclesia - Agência de Notícias da Igreja Católica em Portugal
Budismo! Do Brasil Internet
Clério’s Home Page - Clério José Borges de Sant’Anna
Ecclesia-Brasil
Islam em Linha
Orações
Padre Marcelo Rossi - Site Oficial
Paróquia de São Pedro
Portal da Família
Sociedade Internacional Gita do Brasil (Gita-Ashrama Brasil)
SDPF - Secretariado Diocesano Pastoral Familiar - Diocese de Coimbra
UCP – Universidade Católica Portuguesa

@ Saúde
AMI - Assistência Médica Internacional
APCC - Associação Portuguesa do Cancro Cutâneo
APDP - Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal
APFADA - Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Doentes de Alzheimer
Instituto Nacional de Cardiologia Preventiva - Prof. Fernando Pádua
INFARMED - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, I.P.
IPOPFG, EPE - Instituto Português de Oncologia de Francisco Gentil
Liga Portuguesa Contra o Cancro
Portal da Saúde - Ministério da Saúde

@ Segurança
GNR - Guarda Nacional Republicana
MAI - Ministério da Administração Interna
PJ - Polícia Judiciária
PSP - Polícia de Segurança Pública

@ Seguros
APS - Academia Portuguesa de Seguros
APS - Associação Portuguesa de Seguros
ISP - Instituto de Seguros de Portugal

@ Sindicatos
CGTP - Intersindical Nacional

@ Solidariedade
Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião
CNIS - Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade

@ Superfícies Comerciais
Modelo Continente SGPS, SA

@ Telefones
Páginas Amarelas
Páginas Brancas

@ Tradições
Folclore

@ Trânsito
EP - Estradas de Portugal, E.P.E.
Fastaccess - O Portal do Automobilista
SR - Segurança Rodoviária

@Concurso

@ Eleição de Miss Lightning...

@as minhas fotos

@arquivos

@ Janeiro 2014

@ Fevereiro 2012

@ Janeiro 2012

@ Dezembro 2011

@ Novembro 2011

@ Outubro 2011

@ Agosto 2011

@ Outubro 2010

@ Agosto 2010

@ Julho 2010

@ Junho 2010

@ Maio 2010

@ Abril 2010

@ Março 2010

@ Fevereiro 2010

@ Dezembro 2009

@ Outubro 2009

@ Setembro 2009

@ Agosto 2009

@ Julho 2009

@ Junho 2009

@ Maio 2009

@ Abril 2009

@ Março 2009

@ Fevereiro 2009

@ Janeiro 2009

@ Dezembro 2008

@ Novembro 2008

@ Outubro 2008

@ Setembro 2008

@ Agosto 2008

@ Julho 2008

@ Junho 2008

@ Janeiro 2008

@ Dezembro 2007

@ Novembro 2007

@ Outubro 2007

@ Setembro 2007

@ Agosto 2007

@ Julho 2007

@ Junho 2007

@ Maio 2007

@ Abril 2007

@ Março 2007

@Contador


@Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28
29
30
31
blogs SAPO

@subscrever feeds

@Blogosfera

Estou no Blog.com.pt

Classifique o nosso site
no mundoPT.com



link.blog-Teorias
PT Bloggers a directoria de blogs Portugueses
BlogBlogs.Com.Br
Votez pour mon site !
Search For Blogs, Submit Blogs, The Ultimate Blog Directory
Blog Flux Pinger - reliable ping service.





Personal Blogs - Blog Top Sites

Top Tuga

Sports Blogs
Create blog

BloGalaxia



blogaqui?


puBlog: textads portugueses